Eike Batista é preso ao desembarcar no Rio de Janeiro

O empresário Eike Batista foi preso por agentes da Polícia Federal assim que desembarcou no Aeroporto Internacional Tom Jobim, por volta das 10h. O avião que trouxe o empresário Eike Batista pousou no aeroporto do Galeão, no Rio de Janeiro, por volta das 9h50 desta segunda-feira (31). Eike deixou o aeroporto John F. Kennedy, em Nova York (EUA), às 0h45 (horário de Brasília), no voo 973 da America Airlines, para se entregar à Justiça brasileira.

Ele teve a prisão decretada na quinta-feira (26), no âmbito da Operação Eficiência, segunda fase da Calicute, o desdobramento da Lava Jato no Rio. Considerado foragido pela Justiça, o empresário teve o nome incluído na lista de procurados da Interpol.

Eike deve ser conduzido até o IML (Instituto Médico Legal), para realizar exames de corpo de delito. De lá, o empresário segue para um presídio ainda não confirmado pela Polícia Federal. Eike não tem diploma universitário e, por isso, deve aguardar julgamento em uma cela comum.

*Com informações G1.

Comentários