Duplas masculino largam com sete vitórias em oito jogos em Tóquio

Gazeta Esportiva.com

O Brasil largou com importantes vitórias no torneio masculino da etapa quatro estrelas de Tóquio (Japão), pelo Circuito Mundial de vôlei de praia 2019. Foram oito jogos e sete vitórias dos times do país na madrugada desta quinta-feira. André/George (ES/PB), Evandro/Bruno Schmidt (RJ/DF) e Guto/Saymon (RJ/MS) saíram com duas vitórias e lideram suas chaves no torneio.

Alison e Álvaro Filho (ES/PB), campeões do torneio passado, tiveram uma vitória e um revés, e estão em segundo no grupo, mas seguem com totais chances de avançar. Cada time disputa ainda uma partida pela fase de grupos para definir os classificados às oitavas de final. Os jogos seguem até domingo (28), e a etapa serve como evento-teste para as competições de vôlei de praia dos Jogos Olímpicos de Tóquio, em 2020.

Evandro (esq) comemora ponto com Bruno Schmidt em partida na etapa do Japão (Foto: Divulgação/FIVB)

O evento-teste é uma etapa nível quatro estrelas do Circuito Mundial, ou seja, conta pontos para a corrida olímpica brasileira, que define os representantes do país na próxima edição dos Jogos. O torneio em Tóquio distribui 300 mil dólares aos competidores.

O torneio em Tóquio tem formato particular por ser um evento-teste aos Jogos de 2020. Em uma etapa quatro estrelas usual, a fase de grupos é composta por 32 times divididos em oito grupos. Já na competição desta semana, apenas 24 duplas em cada gênero participam, divididas em seis chaves, como ocorre no evento olímpico. Além disso, em uma etapa normal, são dois jogos na primeira fase, contra três partidas no evento-teste.

Tóquio recebe uma etapa do Circuito Mundial de vôlei de praia pelo segundo ano seguido. Em 2018, porém, a competição era classificada como três estrelas pela FIVB. A classificação das etapas acontece de acordo com a quantidade de pontos oferecidos, o valor da premiação e o tamanho da arena. Os primos chilenos Marco e Esteban Grimalt, e as alemãs Teresa Mersmann e Cinja Tillmann foram os vencedores em 2018.

As partidas

Guto e Saymon – Vindo do classificatório, eles começaram com duas grandes apresentações e dois triunfos seguidos no grupo F. Eles venceram na estreia os norte-americanos Bourne/Crabb por 2 sets a 0 (21/17, 21/15). Pouco depois, triunfo sobre os japoneses Hasegawa/Takahashi também por 2 a 0 (21/14, 21/15).

“Começamos já com os primeiros ranqueados da chave, teoricamente o jogo mais duro, e conseguimos a vitória sobre os norte-americanos, foi muito importante. Na sequência, vencemos os japoneses, time da casa, mas que não possui tanta experiência, foi um jogo mais tranquilo. Vamos encerrar contra a China, que é sempre um jogo de estratégia, mais ‘chato’. Está bastante calor por aqui, evitar o jogo do Lucky loser será ótimo”, avaliou Guto.

“É um formato diferente, antigamente todos enfrentavam todos na chave, esse torneio está sendo realizado desta maneira, você acaba tendo um pouco mais de chances de se recuperar na chave. Está bacana, a entrada dos atletas em quadra também simula a entrada nos Jogos, estamos felizes e queremos continuar nesse ritmo bom”, completou.

Eles encerram a primeira fase contra os chineses Likejiang Ha e Jiaxin Wu ainda nesta quinta-feira, às 22h40 (horário de Brasília), buscando a confirmação da primeira colocação.

Evandro e Bruno Schmidt – Líderes da corrida olímpica brasileira, abriram a competição superando os alemães Harms e Bergmann por 2 sets a 0 (21/18, 21/19). Horas depois, vitória contra os chineses Peng Gao e Yang Li, também por 2 sets a 0 (21/15, 21/16). Eles encerram participação no grupo B contra os norte-americanos Gibb e Crabb, às 21h50 (de Brasília) desta quinta-feira. Uma vitória garante a primeira colocação, que pode vir até com derrota.

André Stein e George – A dupla também largou vencendo duas partidas. Eles começaram o dia superando os japoneses Nishimura/Shibata por 2 sets a 0 (21/15, 21/17), e horas depois venceram também os alemães Ehlers/Fluggen também em sets diretos, com parciais de 21/19, 21/19. A dupla lidera o grupo C e encerra participação contra os poloneses Losiak/Kantor ainda nesta quinta-feira, às 21h (de Brasília).

Alison e Álvaro Filho- Campeões da etapa passada, em Portugal, começaram o torneio com um tropeço, sendo derrotados por 2 sets a 1 (21/19, 19/21, 15/10) pelos franceses Aye/Arnaud. A recuperação veio horas depois, com vitória por 2 sets a 0 (21/12, 21/14) sobre os belgas Koekelkoren/van Walle. A última partida do grupo E será contra os catarianos Samba/Tijan, nesta quinta, às 21h (de Brasília). A dupla brasileira pode sair em primeiro da chave com uma vitória na rodada final.

Comentários