Dos 68 casos suspeitos de sarampo em MS, só 2 foram confirmados e 35 estão em investigação

A secretaria estadual de Saúde de Mato Grosso do Sul (SES) aponta que em 2019 foram notificados no estado 68 casos suspeitos de sarampo. Desse total, 31 já foram descartados, 35 continuam em investigação e somente 2 foram confirmados.

A secretaria aponta que os 2 casos confirmados em Mato Grosso do Sul foram importados, ou seja, em que a transmissão do vírus para os pacientes ocorreu fora do território do estado.

A secretaria aponta que os 2 casos confirmados em Mato Grosso do Sul foram importados, ou seja, em que a transmissão do vírus para os pacientes ocorreu fora do território do estado.

O primeiro caso registrado foi de um homem de 52 anos, morador de Três Lagoas, que foi infectado, conforme a SES, quando esteve em Guararema, São Paulo.

O segundo caso é de uma criança de 10 meses, que mora em Campo Grande. A criança teria sido infectada com o vírus quando visitou familiares na capital paulista entre os dias 1º e 5 de agosto e começou a apresentar os sintomas no dia 16 de agosto.

No dia 19 de agosto a criança foi atendida em um hospital infantil de Campo Grande, onde foi diagnosticada com suspeita de sarampo.

Conforme a SES, todas as ações de investigação e bloqueio foram feitas no hospital, principalmente em relação aos funcionários e outras pessoas que estavam na instituição para atendimento.

Comentários