Dólar sobe, com cautela de investidores e apesar de atuação do BC

dolarlar opera em alta em relação ao real nesta sexta-feira (2), apesar do anúncio de leilão de swap cambial tradicional que o Banco Central fará nesta manhã, segundo a Reuters. Às 9h39, o dólar avançava 0,01%, vendida a R$ 3,4689, depois de ter fechado a quinta-feira a R$ 3,4685, maior valor desde 16 de junho.

Acompanhe a cotação ao longo do dia:

Às 9h10, alta de 0,33%, a R$ 3,4798

Os investidores seguem cautelosos com a situação política doméstica, que já levou a moeda a saltar 2,4% na véspera, e também trabalham na expectativa por dados do mercado de trabalho norte-americano.

Diante do nervosismo do mercado, o BC fará nesta manhã leilão de até 15 mil contratos de swap cambial tradicional, que equivalem a venda de dólares no mercado futuro, para rolagem do vencimento de janeiro.

A última vez que o BC tinha atuado no mercado havia sido em 22 de novembro, quando concluiu a rolagem do vencimento de dezembro. Na véspera, a moeda dos Estados Unidos avançou 2,39% em relação ao real, cotada a R$ 3,4685 para venda. Foi a maior cotação desde o dia 16 de junho, quando o dólar alcançou R$ 3,47. Na semana, o dólar acumulava valorização de 2,47% até quinta-feira. No ano, ainda perde 12,1%.

Comentários