Dois são presos por pesca predatória

Policiais Militares Ambientais de Três Lagoas realizaram fiscalização no rio Verde, na quinta-feira (29), no município de Água Clara e prenderam dois pescadores, residentes na cidade Planalto (SP), por pescar predatória.

A equipe constatou que eles iniciavam uma pescaria embarcada e haviam capturado 5 kg de pescado, havendo exemplares abaixo da medida permitida pela legislação.

Com os pescadores foram apreendidos, os peixes, que foram soltos no rio por estares vivos em um viveiro no barco, um barco, um motor de popa com tanque e três carretilhas com varas. Os policias efetuaram auto de infração administrativo e aplicaram multa no valor de R$ 1.100,00 contra cada autuado.

Os pescadores, irmãos de 62 e 63 anos, receberam voz de prisão e foram conduzidos à delegacia de Polícia Civil de Água Clara e responderão pelo crime ambiental. A pena para este crime é de um a três anos de detenção.

Comentários