Disney assume controle da plataforma de streaming Hulu e desafia Netflix

VEJA/JP

‘The Handmaid’s Tale’ é uma das produções originais do Hulu (//Divulgação)

A Netflix que se cuide, porque a Disney já mostrou que não está para brincadeiras quando o assunto é streaming. A partir desta terça-feira, 14, a companhia passa a ter controle operacional total sobre a plataforma de streaming Hulu, responsável pela produção de séries como The Handmaid’s TaleThe Looming Tower.

O Hulu foi criado em uma joint venture entre a Fox e a NBC (uma subsidiaria do conglomerado Comcast) em 2007. Dois anos depois, a Disney entrou na parceria. Ao comprar a Fox, em março, a Disney já havia se tornado a maior acionista do serviço, que ainda estava sob controle da Comcast.

De acordo com o site Comic Book, as empresas negociaram um acordo provisório por cinco anos. Nesse período, a Comcast ainda controlará um terço das ações da plataforma e pode vender sua parte à Disney a partir de 2024, quando o contrato tem fim. Além disso, todo o conteúdo produzido pela NBCUniversal continuará disponível no serviço até o mesmo ano.

Segundo Bob Iger, CEO da Walt Disney Company, os planos para o futuro da plataforma incluem sua expansão internacional e investimentos em produções originais. Iger também falou sobre a importância da aquisição. “Atualmente, existe muito mais competição pelo tempo e pelo dinheiro das pessoas. Não é uma competição que vem apenas da Netflix. É uma competição que vem de muitas, muitas direções diferentes”, afirmou em coletiva de imprensa em Nova York.

Comentários