Diretor e professora pedem demissão após aluno fazer vídeo de sexo dos dois

Conteúdo foi publicado em rede social e caso virou polêmica. Homem chegou a pedir que adolescente retirasse imagem

Inglaterra – Um diretor e uma professora de química pediram demissão após serem filmados por um aluno enquanto faziam sexo em uma escola em Swansea, na Inglaterra. Um aluno conseguiu gravar, do corredor da instituição, Graham Daniels, de 51 anos, e Bethan Thomas, de 37, em uma relação sexual na sala do diretor e publicou o vídeo nas redes sociais. Um comitê educacional da escola Bryntawe Comprehensive ouviu vários depoimentos sobre o envolvimento dos dois nesta terça-feira, de acordo com o “Daily Mail”.

Diretor e professora se viram forçados a pedir demissão após aluno fazer vídeo de sexo dos dois Foto: Reprodução Internet
Diretor e professora se viram forçados a pedir demissão após aluno fazer vídeo de sexo dos dois
Foto: Reprodução Internet

O aluno publicou em seu perfil no Facebook um vídeo que não mostrava cenas explícitas, mas no qual era possível ouvir os barulhos vindos da sala onde o casal estava. O diretor telefonou para ele e pediu que o vídeo fosse retirado do perfil. O aluno concordou, mas já era tarde. O vídeo se espalhou pela Internet. Segundo investigações, o “caso” era conhecido na escola Bryntawe Comprehensive.

Após o escândalo, a professora Bethan Thomas se divorciou. Ela chegou a “interrogar” uma aluna que flagrou se aproximando da sala do diretor sobre o que ela “estava fazendo ali depois do horário de aula”. A adolescente afirmou que tinha ouvido “barulhos de sexo”, mas a professora disfarçou. Mais tarde, a professora confirmou que “fez a cama” para ser flagrada.

“Isso é um comportamento inaceitável entre dois profissionais, dentro das dependências da escola”, declarou um dos investigadores. A dupla foi acusada de se comportar e expor os alunos de forma inadequada dentro da escola e pode ser processada.

O DIA

Comentários

comentários