No Dia sem Imposto gasolina será vendida a R$ 1,82 e remédio 50% mais barato

Na próxima segunda-feira (25), a mobilização anual do Dia da Liberdade de Impostos (DLI), quer mostrar aos consumidores o quanto pagam a mais pelos produtos que consomem e o montante que vai para os cofres públicos.

Diariamente, gasolina é vendida por mais de R$ 3 na Capital.
Diariamente, gasolina é vendida por mais de R$ 3 na Capital.

No Brasil, a alta carga tributária faz com que os contribuintes trabalhem 151 dias ao anos somente para pagar impostos. Na opinião do diretor da Associação Comercial e Industrial de Campo Grande (ACICG), Roberto Oshiro, o governo precisa entender a necessidade de reduzir seus gastos e não de aumentar as cobranças, já que esses quase metade do valor dos itens consumidos diariamente são impostos.

Em Campo Grande, os consumidores poderão encontrar gasolina e medicamentos mais baratos. As empresas que participam da campanha arcam com o custo do imposto que não é repassado para a população, mas ainda assim será recolhido ​a​o governo.

No caso da gasolina, o valor médio de R$3,19 cai para R$1,82. Abastecendo R$ 40,00 por exemplo​, a pessoa economiza quase R$ 30,00. Cerca de 500 medicamentos genéricos​ também serão ​vendidos com descontos de até 55%.

Serviço

Gasolina – Auto Posto Shiraishi 5, situado na Avenida Júlio de Castilho 3.420 – esquina com Rua Yokohama – no Jardim Panamá. Abastecimento das 7h30 às12h ou enquanto durar o estoque. Entrega de senhas a partir das 6h. O pagamento é exclusivamente em dinheiro.

Medicamentos – Drogarias América, localizada na Rua da Península, 626; e Farmais, situada na Rua da Península, 824, Coophavila 2. Atendimento das 7h às 22h. Não há limite de quantidade por pessoa, produtos serão comercializados enquanto durarem os estoques.

Com informações da ACICG

 

Comentários

comentários