Denúncia de médica faz PC prender ‘marido’ por maus-tratos a esposa idosa doente

Lúcio Borges

Após vídeo gravado por uma médica, a  PC-MS (Polícia Civil de MS) no município de Ribas do Rio Pardo, prendeu José de Sousa, 61 anos, pelo crime de violência doméstica, agravado pelos absurdos de ser contra a eu seria sua esposa, que está idosa adoentada e sem o seu estado mental normal. A ação da polícia, foi na tarde de sexta feira (22), com a prisão em flagrante do homem, por praticar maus-tratos contra sua esposa sem discernimento.

Imagem ilustrativa, não corresponde ao fato

A situação da idosa e o autor só foi preso após uma médica ir à residência da família para fazer um atendimento, ver e compreender a situação e para ter provas, conseguiu gravar as cenas até de agressões cometidas. Assim, conforme averiguado, policiais civis foram acionados por profissionais de saúde em razão de um vídeo gravado, onde aparece o autor José de Sousa praticando maus-tratos contra sua esposa.

José de Sousa, aparece no vídeo, dando tapas no rosto da vítima, bem como xingando enquanto está dando refeições a ela. “Quem conseguiu gravar o vídeo foi uma médica, que compareceu na residência do casal para tratar da vítima e registrou, com seu celular, toda a cena de maus-tratos, materializando o evento criminoso”, aponta PC.

O caso da idosa, ao que aparece, vem de longe e já poderia ter sido denunciado, pois em conversa com profissionais de saúde do Hospital Municipal, ela já teria sido tratada no local com hematomas. Com isto, os policiais civis ficaram sabendo que já não era a primeira vez que o autor maltratava sua esposa.

Foi preso com provas

De posse dessas informações, e imediatamente depois de assistirem ao vídeo gravado, os policiais foram até a residência do casal e deram voz de prisão ao autor por crime de maus-tratos, praticado com violência doméstica. Ele foi  encaminhado à Delegacia para a tomada das providências legais.

A PC-MS, ainda aponta que ao preder José, ainda obteve novas denuncias, infelizmente somente agora. A própria vizinhança informou que o autor é pessoa agressiva e costuma agredir física e verbalmente sua esposa e sua irmã, descreveram os policiais.

O autor está custodiado à disposição da Justiça, posto que não fora fixado qualquer valor a título de fiança.

Comentários