Defesa de CR7 comprou silêncio de vítima em caso de estupro

Lancepress/JP

O desenrolar do caso do suposto estupro de Cristiano Ronaldo ganhou novos capítulos nesta segunda-feira. O site norte-americano TMZ divulgou novos documentos em que é comprovado o pagamento para Kathryn Mayorga se manter em silêncio sobre o ocorrido em 2009. A defesa do português teria pago 340 mil euros (R$ 900 mil na época) para a vítima não prestar queixa do atleta.

Comentários