Dagoberto Nogueira orienta derrubada de dois vetos presidenciais

Da Redação/JN

Nesse caso, o deputado defende pequenas empresas e agentes comunitários de saúde

O deputado Dagoberto Nogueira (PDT) votará pela derrubada de dois vetos presidenciais que estão na pauta de votação do Congresso Nacional desta semana. O parlamentar acredita ser necessário garantir um programa de refinanciamento das dívidas das pequenas e médias empresas assim como é urgente melhorar as condições de trabalho dos ACS (Agentes Comunitários de Saúde).

Dagoberto Nogueira em foto de arquivo (Foto: Divulgação )

Apesar de serem as maiores geradoras de empregos do país, as micro e pequenas empresas não contam com as ajudas do governo que geralmente são oferecidas para as grandes companhias. Só no último refinanciamento reservado a elas, mais de R$ 38 bilhões em dívidas foram anulados. Já para as pequenas e médias, nenhuma política de refinanciamento foi instituída até hoje. Na opinião de Dagoberto, o Refis das pequenas e médias é uma ferramenta social importante pois garante empregos.

“As pequenas que precisam de uma mão do governo. É mais do que injusto garantir esse fôlego para as grandes e negar para a maioria das empresas. Vamos derrubar esse veto”, afirmou Dagoberto.

Outro veto que contará com o voto contrário de Dagoberto é aquele que derrubou várias evoluções nas garantias de trabalho dos ACS.

Em janeiro, o atual governo vetou as exigências de carga horária de 40 horas, indenização por transporte e regras de cursos de formação continuada. Para Dagoberto, derrubar esse veto e manter essas exigências é investir na saúde dos brasileiros.

“Reconheço o trabalho dos Agentes Comunitários e tenho convicção da necessidade de derrubarmos esse veto. Investir em saúde não é despesa. É disso que o Brasil precisa e vamos votar a favor dessas melhores condições para os Agentes”, declarou Dagoberto.

Comentários