Cruzeiro vence River na Argentina e coloca um pé na semi

O Cruzeiro pode comemorar, pois já está com um pé na semifinal da Copa Libertadores. Nesta quinta-feira, em Buenos Aires, o time mineiro venceu o River Plate por 1 a 0 e conseguiu uma ótima vantagem. Agora o time vai jogar em casa sabendo que qualquer empate colocará o outro pé celeste na próxima fase.

O Cruzeiro não quis ficar apenas na defesa no primeiro tempo. Tanto que até criou as primeiras chances de gol, desperdiçadas por Manoel e Henrique nos primeiros minutos. Mas aos poucos o time mineiro passou a encontrar muitas dificuldades, principalmente porque a saída de bola foi mal feita pelos volantes, que não estavam em uma boa noite. Um vacilo de Henrique, por exemplo, quase resultou em gol de Teo Gutiérrez, salvo por Fábio. Com essa dificuldade, só sobraram os contra-ataques para o Cruzeiro, mas Leandro Damião e Willian perderam as poucas chances criadas no final do primeiro tempo.

Na maior parte do jogo o River teve a posse de bola e, quando mostrou velocidade, assustou o Cruzeiro. A ponta direita do time argentino era incrivelmente perigosa. O jovem Mammana, o volante Sánchez e o atacante Mora deram muito trabalho por ali, criando chances de gol, com tabelas e cruzamentos. A melhor oportunidade foi novamente de Gutiérrez, que chutou para fora por pouco.

O River Plate recebeu o Cruzeiro, pelas quartas de final da Copa Libertadores, nesta quinta-feira. O time mineiro venceu por 1 a 0, com gol de Marquinhos Foto: Natacha Pisarenko / AP
O River Plate recebeu o Cruzeiro, pelas quartas de final da Copa Libertadores, nesta quinta-feira. O time mineiro venceu por 1 a 0, com gol de Marquinhos
Foto: Natacha Pisarenko / AP

O segundo tempo começou sem grandes emoções, mas depois teve uma curiosidade: as melhores chances foram em belas jogadas, que quase resultaram em golaços. Primeiro Willian tabelou com Gabriel Xavier, driblou na área e chutou forte, mas o lateral Vangioni salvou a bola em cima da linha. Quatro minutos depois, Gutiérrez tabelou com Cavenaghi, que chutou de primeira, mas fez a bola raspar a trave.

Apesar do empate ser um bom resultado, em nenhum momento o Cruzeiro ficou totalmente recuado. Até os 30min, era possível ver quatro jogandores marcando a saída de bola do River depois do meio-campo. E essa coragem foi premiada aos 36min, após um erro na defesa do River. Leandro Damião e Willian participara da jogada finalizada por Marquinhos direto para o gol.

Recorde

O Cruzeiro se tornou o time brasileiro com mais vitórias na história da Copa Libertadores. Agora são 86 ao todo. Antes desta quinta, o time mineiro estava empatado com o São Paulo.

Homenagem espetacular

Ídolo tanto no River Plate quanto no Cruzeiro, o ex-lateral Juan Pablo Sorín foi homenageado no Monumental, antes do jogo. Depois ele divulgou uma foto no Instagram para manifestar sua felicidade.

TERRA

Comentários

comentários