Cristaldo marca, mas Palmeiras fica no empate com o Sampaio Corrêa

Cleitinho fez o gol do Bolívia no fim do jogo e garantiu o 1 a 1 no Castelão. Verdão agora se foca na decisão do Campeonato Paulista e volta à Copa do Brasil no dia 12

O torcedor do Palmeiras que assistiu à partida desta quarta-feira tinha como grande expectativa saber como Gabriel Jesus iria se portar em sua estreia como titular. Apesar de toda a expectativa, o garoto não brilhou. Depois de um péssimo primeiro tempo do time, Cristaldo saiu do banco e fez para o Verdão, mas o time não conseguiu segurar a vantagem e ficou só no 1 a 1 com o Sampaio Corrêa, no jogo de ida pela segunda fase da Copa do Brasil.

Palmeiras fica no empate com o Sampaio Corrêa (Foto: Biaman Prado/LANCE!Press)
Palmeiras fica no empate com o Sampaio Corrêa (Foto: Biaman Prado/LANCE!Press)

Focado na final do Campeonato Paulista, Oswaldo de Oliveira escolheu uma equipe reserva para jogar em São Luís (MA), e foi sofrido assistir no Castelão ao time sem entrosamento, que também parecia só pensar no Santos. A movimentação que o torcedor vê com Dudu, Rafael Marques, Robinho, Valdivia e Cleiton Xavier passou longe de ocorrer com Kelvin, Ryder e Alan Patrick. Estático e lento, o Verdão também não teve boa presença no ataque dos laterais Ayrton (que fez partida bem ruim) e Victor Luis. Na defesa, ainda sofreu com Pimentinha e Robert.

Aos 21 minutos da etapa final, Cristaldo entrou na vaga de Ryder e, em dois minutos, o camisa 9 mudou o jogo: lançou Gabriel Jesus, que dividiu com o goleiro. No rebote, Churry apenas empurrou para encerrar um jejum de sete partidas sem marcar e colocar o Palmeiras na frente.

A atuação, porém, continuava longe de ser satisfatória – tanto que Robert até teve a chance de empatar, mas o árbitro assinalou impedimento para desespero do time maranhense. Já no fim, Cleitinho, de cabeça, finalmente conseguiu vazar Jailson, que foi bem na estreia pelo clube como titular em jogos oficiais.

Oswaldo de Oliveira disse que o time sentiu por conta do calor em São Luís e do gramado pesado no Castelão. Graças à atuação ruim, não foi possível vencer por dois gols de diferença e eliminar a volta. Só que esta, hoje, é a menor das preocupações.

O foco agora volta a estar só na decisão do Paulistão, na qual o time precisa de um empate no domingo, na Vila Belmiro, para ser campeão. À Copa do Brasil, o time volta apenas no dia 12. E espera que até lá já esteja com uma taça garantida em 2015.

FICHA TÉCNICA SAMPAIO CORRÊA 1 X 1 PALMEIRAS

Local: Castelão, em São Luis (MA)
Data/Hora: 29/4/2015 – 22h
Árbitro: Antonio Dib de Sousa (PI)
Auxiliares: Rogério Braga (PI) e Francisco N. Gaspar (PI)
Renda/Público: Não disponíveis
Cartões Amarelos: Robert (SCO); Jackson, Cristaldo e Tobio (PAL)
GOLS: Cristaldo, 23’/2ºT (0-1); Cleitinho, 41’/2ºT (1-1)

SAMPAIO CORRÊA: Milton Raphael; Daniel Damião, Luiz Otávio, Edvânio e William Simões; Moisés (Robson Simplício, 28’/2ºT), Diones, Raí (Cleitinho, 15’/2ºT) e Valber; Pimentinha e Robert (Edgar, 37’/2ºT). Técnico: Oliveira Canindé.

PALMEIRAS: Jaílson; Ayrton, Tobio, Jackson e Victor Luis; Amaral, Renato (Andrei Girotto, 22’/2ºT) e Alan Patrick; Kelvin (Juninho, 43’/2ºT), Ryder (Cristaldo, 21’/2ºT) e Gabriel Jesus. Técnico: Oswaldo de Oliveira.

 

Comentários

comentários