Criminosos estragam quase mil vacinas em UBSF da Capital

Lúcio Borges

Um crime contra o patrimônio público e até por salvar vidas, foi cometido na madrugada desta terça-feira (30), em posto de Saúde de bairro carente de Campo Grande. Grupo, então chamado ‘vândalos’, fizeram estragar quase um milhar de vacinas na UBSF do bairro Jardim Noroeste. Os que então já deveriam ser denominados criminosos, desligaram o interruptor do padrão de energia da Unidade Básica de Saúde da Família, ficando o local sem luz até chegada de funcionários na manhã de hoje.

De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde (Sesau), aproximadamente 820 doses de vacinas foram afetadas. Por conta da falta de energia, houve alteração na temperatura da geladeira onde ficam armazenadas as vacinas que estragaram.

Por conta da falta de energia, houve alteração na temperatura da geladeira onde ficam armazenadas as vacinas que estragaram — Foto: Reprodução TV Morena

Segundo a Sesau, por conta da falta de energia, houve alteração na temperatura da geladeira onde ficam armazenadas as vacinas, o que ocasionou a perda. Nesta terça-feira o serviço de imunização da unidade ficou prejudicado. A previsão é de que a partir desta quarta-feira (31), esteja normalizado.

Em julho deste ano, uma unidade de saúde em São Gabriel (MS), também teve o padrão de energia elétrica desligado por vândalos. Na ocasião, 218 frascos de vacina foram perdidos.

Comentários