Corumbaense é o campeão em MS após não perder para o “Novo” nas finais

Lúcio Borges

Jogadores comemoram um dos gols da partida (Foto: Johonie Midon/Diário Corumbaense)

O futebol de Mato Grosso do Sul também foi definido neste domingo (7) e tem como novo campeão estadual 2017, o time do Corumbaense, direto do Pantanal do quarto maior município do Estado. A partida contra o Novo Operário de Campo Grande, foi disputada no estádio Arthur Marinho, em Corumbá, a 419 km da Capital. O jogo contou com um placar em 2 a 1, que somado ao da primeira partida, deu ao Carijó 3×2 entre os 180 minutos de jogos, onde ainda eles tinham a vantagem do empate.

O Corumbaense conquistou seu segundo título estadual após 33 anos de sua primeira vitória, em 1984, ante um retrospecto no atual campeonato de não tão superioridade, mas que chegou ao título mostrando grandeza nas partidas do quadrangular final. O time foi segundo colocado no Grupo B com 18 pontos, o Corumbaense venceu quatro partidas e empatou seis, marcando 19 gols e sofrendo 11. Nas quartas de final empatou em 1 a 1 com o União/ABC evenceu por 2 a 1 no jogo de volta.

A vaga para a final foi garantida após a equipe eliminar o Operário, em duas partidas na semifinal, onde cada um venceu um jogo, mas em gols deu a vantagem de 3×2 aos pantaneiros. O Galo chegou a vencer o primeiro confronto por 1 a 0, mas o Carijó reverteu em casa e venceu por 3 a 1.

Hoje, o outro ‘Operário’, o Novo, que empatou em casa na semana passada em 11, hoje começou perdendo, mas conseguiu igualar o placar aos 9 minutos da segunda etapa com Andrinho, que aproveitou o rebote após chute de Luan. O Carijó reagiu aos 12 minutos, mas Kareca estava impedido na hora em que marcou o gol. O gol decisivo veio aos 33 minutos, após cobrança de escanteio e gol contra do zagueiro Juliano.

Primeiro tempo – O time da casa dominou os vinte primeiros minutos de partida. Houveram chances com Robinho aos oito minutos em cobrança de falta, mas a defesa adversário jogou a bola para a lateral.

Sandrinho, aos 13 minutos, recebeu pela direita e foi novamente atrapalhado pelos defensores. Cleber ainda tentou arriscar de longe aproveitando a sobra, mas o goleiro Bernardo conseguiu defender.

Após parada técnica, o Novo conseguiu reagir em lance que acabou em impedimento. Em cobrança de falta aos 26 minutos houve confusão na pequena área do Corumbaense, mas Rafael tirou em cima da linha antes de a jogada ser anulada.

Foi ao fim da primeira etapa, aos 42 minutos, que a equipe de Corumbá abriu o placar. Willian, que havia marcado no primeiro jogo, fez um belo gol. O jogador tentou cruzar para a área, mas acabou acertando no ângulo esquerdo e encobrindo o goleiro do Novo.

Comentários