Copa: bancos vão abrir às 13h quando Brasil jogar às 9h; confira horários

VEJA/JP

Ainda que as agências permaneçam fechadas, os clientes terão outras opções para realizar transações, como os caixas eletrônicos (iStockphotog/Getty Images)

Os bancos vão reduzir seu horário de atendimento em duas horas durante os dias de jogos do Brasil na Copa do Mundo 2018. As agências permanecerão abertas por quatro horas – o expediente varia de acordo com o horário da partida de futebol. As informações foram divulgadas pela Febraban, entidade que representa o setor bancário.

Quando a partida ocorrer às 9 horas, no horário oficial de Brasília, o atendimento ao público será das 13 às 17 horas. A seleção brasileira enfrenta a Costa Rica no dia 22 de junho, às 9 horas.

Quando os jogos forem realizados às 11 horas, as agências abrirão das 8h30 às 10h30 e voltam a atender a partir das 14 horas até as 16 horas. Nos dias em que as partidas acontecerem às 15 horas, o atendimento será realizado das 9 às 13 horas. Na primeira fase, o Brasil joga duas vezes neste horário: contra a Suíça, em 17 de junho, e contra a Sérvia, em 27 de junho.

Segundo a Febraban, a alteração de horário acontece “por motivos de segurança das agências e de transporte de valores”. Ainda segundo a entidade, os bancos devem fixar um aviso sobre a mudança no atendimento 48 horas antes da partida.

Ainda que as agências permaneçam fechadas, os clientes terão outras opções para realizar transações, como os caixas eletrônicos, aplicativos de celular, operações bancárias por telefone e internet banking.

Comentários