Comércio prevê queda e Dia das Crianças deve movimentar 12% menos

O faturamento dos estabelecimentos comerciais de Mato Grosso do Sul com as vendas para o Dia das Crianças deve cair 12% em 2015 frente a 2014, retrocedendo dos R$ 167,43 milhões para R$ 147,34 milhões.

Menos crianças irão receber presentes este ano
Menos crianças irão receber presentes este ano

A projeção é da pesquisa de intenção de compras realizada pela Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo de Mato Grosso do Sul (Fecomércio MS) em parceria com o Sebrae/MS, a universidade Uniderp-Anhanguera e Fundação Manoel de Barros. O levantamento foi divulgado nesta segunda-feira (28).

A pesquisa destaca que o sul-ma-grossense irá gastar média de R$ 132 nos presentes, o valor é R$ 2 superior à estimativa do ano passado, no entanto, menos pessoas se dizem dispostas a comprar.

Este ano, 70% dos consumidores afirmam que irão em busca dos presentes para as crianças, no ano passado, esse índice era de 81%.

A pesquisa do ano passado também revelou que a data faria circular R$ 167,43 milhões no Estado, valor 12% superior ao estimado para esse ano.

Em Campo Grande, 80% dos pesquisados afirmaram que irão comprar presentes e o preço médio ficará em R$ 139. A cidade onde mais os moradores pretendem gastar com a data especial será Aparecida do Taboado, com um preço médio de R$ 149. A Capital está em segundo no ranking.

A preferência de quem vai às compras continua sendo brinquedos (47%), seguido de vestuário (28%) e calçados (14%). Na Capital, a maioria dos entrevistados irá comprar nas lojas do Centro e a preferência será pelo pagamento em cartão de crédito, em até três parcelas.).

Comentários

comentários