Chinesas que foram ouro em Pequim 2008 são desqualificadas pelo COI

Seis atletas de levantamento de peso, incluindo três medalhistas de ouro chinesas, estão entre os desqualificados pelo Comitê Olímpico Internacional (COI) como parte dos reexames que estão sendo feitos em amostras estocadas desde Pequim 2008 e Londres 2012. Cao Lei, Chen Xiexia e Liu Chunhong, ouro nos 75kg, 48kg e 69kg no feminino na edição chinesa dos Jogos Olímpicos, foram pegas pelo uso das substâncias GHRP-2 e o metabólito GHRP-2 M2, e Liu ainda falhou no teste para sibutramina.

Reprodução – GE

Em termos práticos, essa notícia significa que a China vai encarar um banimento de competições internacionais de levantamento de peso depois que o COI votou ano passado uma suspensão de 12 meses para países que tiverem três ou mais resultados positivos para anti-doping nos reexames combinados das amostras de Pequim 2008 e Londres 2012.

Outros três atletas de levantamento de peso serão desqualificados também: Sibel Simsek, da Turquia; Intigam Zairov, do Azerbaijão; e Norayr Vardanyan, da Armênia. Simsek, quarta colocada nos 63kg em Londres 2012, testou positivo para turinabol e stanozolol. Zairov e Vardanyan, que ficaram em sexto e 11º lugar respectivamente nos 94kg de Londres 2012, falharam para turinabol.

Comentários