Centroavantes fazem um gol cada, Atlético-MG vence e complica ainda mais o Inter

Inter até tentou mas de novo saiu com a derrota (Reprodução - ESPN)
Inter até tentou mas de novo saiu com a derrota no Independência(Reprodução – ESPN)

Na briga por uma vaga no estrelado ataque do Atlético-MG, Fred começou jogando neste domingo e Lucas Pratto entrou na segunda etapa. Os dois, contudo, estavam em uma noite inspirada, tendo marcado um gol cada na vitória de 3 a 1 sobre o Internacional, em jogo realizado no Independência.

Clayton, que também foi titular, deixou sua marca e marcou o outro gol do time da casa. A única bola na rede do Internacional foi de Gustavo Ferrareis.

Com a vitória, o Atlético-MG, que ocupa a terceira posição, chega a 49 pontos e abre quatro de vantagem sobre o Santos, que é o quarto colocado.

O Internacional, por sua vez, está em situação cada vez mais dramática. Com 27 pontos, o time está em antepenúltimo, a quatro de distância para o primeiro clube fora da zona de rebaixamento, que é o Figueirense.

Confira os melhores lances do confronto:

1º TEMPO ELÉTRICO

Desde o primeiro minuto de jogo, quando Robinho bateu colocado e Danilo Fernandes espalmou, ficou claro que o primeiro tempo seria movimentado. Logo em seguida, foi a vez de Gustavo Ferrareis arriscar e Victor resvalar na bola para evitar o gol. Em seguida, Willian arriscou de fora da área e o goleiro atleticano evitou que a bola encontrasse o ângulo direito.

Aos 15 minutos, Robinho cruzou de forma precisa, Fred finalizou, Danilo Fernandes espalmou e o mesmo Fred marcou no rebote, abrindo o placar. O time da casa seguiu no ataque e ampliou aos 28 minutos. Clayton cortou da direita para dentro e bateu colocado, vendo a bola bater na trave antes de entrar.

O Inter mostrou que não desistiria fácil e, após cobrança de lateral, Gustavo Ferrareis bateu para diminuir. Surpresa na escalação de Celso Roth, que deixou Valdivia, Seijas e Nico López no banco, Ferrareis ainda assustou aos 42 minutos em chute cruzado.

DEDO DO TÉCNICO

A segunda etapa começou com Gustavo Ferrerais assustando Victor novamente, mas o goleiro atleticano fez a defesa. A partir daí, contudo, o duelo foi mais truncado, com as defesas mais bem postadas em relação ao primeiro tempo.

Marcelo Oliveira deu cara nova ao Atlético-MG aos 18 minutos, quando colocou Dátolo e Lucas Pratto nos lugares de Cazares e Fred.  Aos 36, a dupla argentina mostrou que o técnico estava certo nas alterações.

Dátolo tocou, Pratto entrou na área pelo lado esquerdo e bateu colocado, para definir a vitória atleticana no Independência.

PRÓXIMA RODADA

O Atlético-MG enfrenta a Ponte Preta, fora de casa, no próximo sábado, às 16h30. Mais tarde, às 21h, o Internacional recebe o Figueirense, em duelo direto contra o rebaixamento.

Antes, porém, os dois clubes entram em campo pelas quartas de final da Copa do Brasil O alvinegro de Minas Gerais pega o Juventude no Mineirão, enquanto o Internacional enfrenta o Santos na Vila Belmiro.

FICHA TÉCNICA:
ATLÉTICO-MG 3 X 1 INTERNACIONAL

Local: Estádio Independência, Belo Horizonte (MG)
Data: 25 de setembro de 2016, domingo
Horário: 18h30 (de Brasília)
Árbitro: Péricles Bassols (PE)
Assistentes: Clovis Amaral da Silva (PE) e Cleberson do Nascimento Leite (PE)
Gols: Fred, aos 14, Clayton, aos 28, ambos no primeiro tempo, Lucas Pratto, aos 35 do segundo tempo (Atlético), Gustavo Ferrareis, aos 30 do primeiro tempo (Internacional).
Cartões amarelos: Fernando Bob, Alex (Internacional); Rafael Carioca, Clayton (Atlético)

Atlético-MG: Victor; Carlos César (Patric), Léo Silva, Gabriel e Fábio Santos; Rafael Carioca e Júnior Urso; Clayton, Cazares (Dátolo), Robinho e Fred (Lucas Pratto). Técnico: Marcelo Oliveira

Internacional: Danilo, Willian, Paulão, Ernando, Ceará, Fernando Bob, Rodrigo Dourado, Alex (Anderson), Gustavo Ferrareis, Sasha (Valdívia), Aylon. Técnico: Celso Roth

Comentários

comentários