Centro Municipal de Música promove I Mostra Musical na Capital

(Foto: Divulgação)
(Foto: Divulgação)

Os alunos formandos do curso de música do Centro Municipal de Música da Prefeitura de Campo Grande participam, no dia 13 de agosto, às 20 horas, no Teatro Glauce Rocha, da I Mostra Musical. O evento terá a participação especial dos músicos Delinha e Zedu. Na Ocasião vão receber os certificados de conclusão da primeira etapa do curso. A apresentação, promovida pela Fundação Municipal de Cultura (Fundac), faz parte da programação de aniversário de 116 anos da capital.

A Mostra Musical contará com a participação dos 100 formandos que em uma grande banda quando mostrarão, na prática, os ensinamentos adquiridos ao longo de quatro meses de curso. No palco, professores e alunos estarão juntos em um concerto que irá reunir instrumentos de corda, sopro e percussão. O público irá assistir a um variado repertório que vai incluir desde músicas clássicas, MPB, a renomadas canções regionais.

De acordo com o maestro da Banda Municipal, Ozeias Evangelista, os professores são integrantes da Banda que atuaram como monitores. “Tivemos a oportunidade de conhecer talentos com grande capacidade musical e que surpreenderam os seus professores”, comentou Ozeias.

Com 300 alunos inscritos, o curso terminou com 100 formandos. “É comum termos muitos inscritos, porém devido a necessidade de dedicação, muitos acabam por variados motivos, desistindo. Os alunos da primeira fase agora terão a chance de continuar em uma segunda fase onde terão a oportunidade de se aperfeiçoar. Nessa primeira turma tivemos alunos de todas as idades, desde crianças a partir de 10 anos até servidores sexagenários”, destacou.
O curso está com inscrições abertas para a segunda turma básica. Para participar do curso não é necessário ser servidor público municipal ou dependente, porém não é preciso dominar um instrumento musical: a orientação começa do básico. De acordo com o maestro, para os que já têm a prática, o curso foi importante para o aperfeiçoamento.“Música é sentimento, manifesta os afetos da nossa alma, é sinônimo de qualidade de vida. Em qualquer idade, a música faz muito bem. Por isso, nossa proposta é levar a música para a vida das pessoas e o curso para o servidor e seus dependentes é o começo”, salientou.

Comentários

comentários