Cefat abre 30 vagas para seleção masculina de ginastica artística

Lúcio Borges

O Cefat (Centro de Formação de Atletas) da prefeitura de Campo Grande, anunciou que abriu seleção de atletas da ginástica artística para formação da seleção que pode representar a Capital em competições estaduais e nacionais. Ao todo estão abertas 30 vagas, mas somente para meninos de 5 a 8 anos, em fase de iniciação na modalidade. As inscrições acontecem no novo prédio do Cefat e podem ser realizadas pelos pais das 8h às 11h e das 13h às 17h.

Os treinos acontecem de segunda a sexta-feira em horários alternados das 8h às 11h e das 13h às 17h, onde atualmente, a oficina de ginástica artística masculina já conta com 60 meninos participando das atividades de Solo, Salto sobre a mesa, Barra Fixa, Paralelas, Argola, Cavalo com alça. A ginástica artística traz inúmeros benefícios, auxiliando no controle do corpo através de movimentos como giros, saltos, balanços e aterrissagens.

CEFAT_masculinoO professor João Gabriel Carvalho França, do Centro de Formação lembra que, em agosto deste ano, a equipe foi vice-campeã na cidade de Santos, na categoria pré-infantil e 5ª colocada na categoria juvenil no torneio nacional de ginástica artística na cidade de São Bernardo do Campo. “Já temos uma  seleção formada, mas estamos com vagas abertas para formação de novos jovens e agora com o novo ginásio podemos dar continuidade no trabalho que estamos colhendo e ter ainda melhores resultados”, informou o professor.

O atleta Nycollas Gabryel Almeida de Mello, de 14 anos, pratica a ginástica artística desde os 7 anos de idade, no Cefat, e conta que já participou de algumas competições representando o Estado. “Eu sempre me interessei pela ginástica e comecei a praticar os aparelhos de solo, salto e paralelas. Aos poucos fui me aperfeiçoando e agora vou participar da competição brasileira em novembro que vai ser uma seleção para a competição mundial”, disse.

Benefícios

Segundo João Gabriel, dentro do processo de aplicação da ginástica artística, a criança passa a conhecer o próprio corpo, tendo noção de quais são os seus limites e os movimentos. João explica que os movimentos vão dos mais simples até os mais complexos, aumentando gradativamente o repertório motor, como saltos, equilíbrio, coordenação motora e locomoções diversas que são fundamentais para a aprendizagem da criança. O Cefat atende, hoje, mais 400 participantes inscritos entre meninos e meninas de 5 a 14 anos.

Serviço:

CEFAT – Avenida Costa e Silva, n.2371.

Comentários