Caseiro é assassinado durante roubo a caminhonete em fazenda

Na região do Clube do Laço, na Estância B, em Dourados, por volta das 04h desta quarta-feira (14), o caseiro Josias Leiva, 34, foi morto com dois tiros, sendo um no pescoço e outro no rosto. A vítima atendeu a um pedido de dois homens que bateram à porta pedindo água.

Vítima foi encontrada morta a tiros dentro da sede da propriedade rural  (Foto: Osvaldo Duarte/ Dourados News)
Vítima foi encontrada morta a tiros dentro da sede da propriedade rural
(Foto: Osvaldo Duarte/ Dourados News)

Ao abrir a porta para indicar o local onde havia uma mangueira, Leiva foi alvejado com os tiros. Ele ainda tentou trancar a porta novamente, mas os bandidos invadiram a casa e roubaram uma caminhonete F1000 cinza, ano 90, placas CIY 8187 de Ponta Porã.

Na residência, segundo o site 94 FM Dourados, estavam a vítima, a esposa, 25 anos, dois filhos, de 12 e 11 anos, um sobrinho de 4 anos e a sogra da vítima de 55 anos, que contou à reportagem da 94FM que foi chamada pela filha para orarem juntas para que nada de mal acontecesse ao ouvirem as batidas.

A família acionou o Samu, mas nada pode ser feito, Josias Leiva já estava morto. A Polícia Militar e Polícia Civil estão no local.

A polícia informou que, minutos antes do latrocínio, em outra fazenda próxima, o caseiro José Rcardo da Silva, 31 anos, foi baleado nos mesmo moldes e ação. Ele foi levado ao Hospital da Vida pelos Bombeiros e permanece estado grave. A polícia trabalha com a hipótese de que os bandidos não tenham conseguido efetuar o primeiro roubo e seguiram para a Estância B.

Entre Caarapó e Juti, um Policial Rodoviário Federal tentou abordar o veículo roubado e houve troca de tiros. A PM foi acionado e conseguiu localizar a caminhonete abandonada em Caarapó no meio do mato… A PRF e a PM estão em cerco tentando localizar os bandidos.

Comentários

comentários