Casal que furtou sete bancos na Capital e 10 em outros três Estados é preso pela PC-MS

Lúcio Borges

A PC-MS (Polícia Civil de MS) em ação para apurar e prender um casal que atuou em roubo a caixas eletrônicos em Campo Grande, chegou até ao estado de São Paulo, onde pegou Andreia Pereira de Jesus, 22 anos, e, Juan Daniel da Silva Capuzzello, 33. Na Capital, o casal conseguiu furtar sete agências bancárias pelos caixas eletrônicos, em quantia ainda não revelada pela polícia. Bem como a dupla já havia agido em outros três Estados, totalizando dez assaltos entre Paraná, Santa Catarina e Mato Grosso.

A captura dos dois pela PC-MS, foi via o Garras (Delegacia Esp. Rep. a Roubos a Banco, Assaltos e Sequestros), que os identificou  e prendeu por furto qualificado. O Garras, apesar de ‘invadirem’ outro território estadual, tinha a posse dos mandados de prisão, que poderiam ser executados contra a dupla. Assim, os agentes de MS, diligenciaram no estado de São Paulo, onde lograram em prender a dupla, que é natura e tinham endereços no estado paulista.

Conforme dados da PC-MS, Andreia e Juan Daniel são naturais de São Paulo, onde foram presos na segunda-feira passada. Os dois foram pegos com mandados de prisão, pelos crimes praticados ou descritos que ambos estiveram em Campo Grande nos dias 2 e 3 de fevereiro, onde praticaram o crime em sete agências bancárias.

Andreia e Juan foram presos e trazidos para Campo Grande, onde as prisões preventivas dos dois já foram solicitadas à Justiça. A dupla responderá por furto qualificado. As investigações em MS, pelo Garras, chegou a apuração que em Campo Grande foi onde o casal mais conseguiu agir e furtar diversos caixas de sete agências, que registraram boletim de ocorrência.

Outros Estados

A PC-MS constatação que eles foram autores de ações semelhantes em bancos de cidades no Paraná, Santa Catarina e Mato Grosso. A dupla, contudo, nos outros Estados, agiu apenas em duas agências bancarias, o Santander e o Sicredi.

O Santander MT, teve três agências arrombadas e furtadas. Já o Sicredi no PR, teve furtos nas cidades de Campo Mourão, Dr Camargo, Ivatuba, Lar Paraná e Matinhos. Por fim, também no Sicred em SC, as cidades atingidas foram Paranaguá e Joinville.

Comentários