Casa de prefeito de Bodoquena é invadida por ladrões

Da Redação

Objetos apreendidos pela polícia (Foto: Divulgação)

A casa do prefeito de Bodoquena, a 266 quilômetros de Campo Grande, foi alvo de furto na noite deste domingo (1º). Ladrões invadiram o imóvel de Kazuto Horii, mas tiveram a ação impedida pela Polícia Militar. Não havia ninguém na residência no momento do crime. Um homem foi preso, um adolescente foi apreendido e outras duas pessoas são procuradas, suspeitas de participarem do crime.

De acordo com o site O Pantaneiro, com os criminosos foram encontrados joias, um relógio de prata, bijuterias, dois notebooks, um aparelho celular, além de um barbeador elétrico, uma fonte de alimentação, um martelo, uma lanterna, uma caixa com canecas de porcelana, dois alicates, uma tesoura, uma chave inglesa, bolsa com medicamentos, um carregador de pilhas, três pedaços de pedra, um cabo HDMI, duas chaves de fenda, duas mochilas, três cremes dentais e cortador de unhas.

Uma testemunha suspeitou da movimentação no local e acionou a polícia, que conseguiu impedir a ação. No local, um homem entrou em luta corporal com os policiais, após receber voz de prisão. Uma mulher que estava na frente da residência, suspeita de ajudar o ladrão, conseguiu fugir.

Segundo a polícia, o homem confessou que, além dele e da mulher, um adolescente, de 14 anos, e um jovem, de 21, também participaram da ação. Na casa do maior de idade, a polícia encontrou o adolescente, que foi apreendido. O jovem de 21 anos conseguiu fugir.

Uma caixa com aproximadamente 50 munições calibre .40, furtada em outro local, também foi encontrada com os suspeitos, após o menor apontar aos militares o local onde os demais produtos apreendidos estavam escondidos.

Comentários