Carreta da Justiça realiza 1º casamento homoafetivo de Guia Lopes

E a Carreta da Justiça continua fazendo história. Depois de atender 10% da população dos municípios de Rochedo, Corguinho e Taquarussu em 2016, e os cidadãos de Antônio João na semana passada, o juiz Luiz Felipe Medeiros Vieira realizou o primeiro casamento homoafetivo de Guia Lopes da Laguna.

Luiz Felipe, que responde pela prestação jurisdicional na unidade móvel da justiça, não esconde a alegria em realizar sonhos de quem vive em municípios do interior e até a chegada da carreta tinha que se deslocar até uma sede de comarca caso precisasse dos serviços judiciais.

“A Nadini e a Renata viviam em união estável desde 5 de abril de 2014 e hoje converteram essa união em casamento na Carreta da Justiça. Mais que uma alegria em poder servir à população, é nossa obrigação estar onde a população necessita da justiça”, explicou o juiz.

Os atendimentos da Carreta da Justiça na comarca de Guia Lopes da Laguna começaram na segunda (20) e terminam amanhã. Desde que chegaram na cidade, o juiz e toda a equipe estão trabalhando muito em razão do movimento intenso e da procura tanto pela justiça quanto por orientações.

O excelente trabalho prestado até agora resultou em uma Moção de Congratulação da Câmara Municipal de Guia Lopes da Laguna na noite desta terça-feira (21). “Foi surpresa. Nós não sabíamos dessa moção de congratulação. Fui convidado pelo presidente da Câmara para explicar o funcionamento da Carreta da Justiça e, quando chegamos lá, ele fez a leitura do requerimento, assinados por todos os vereadores, e nos entregou ali, durante a sessão, deixando a todos muito felizes”, conta Luiz Felipe. A Corte sul-mato-grossense foi homenageada na pessoa de seu presidente, Des. Divoncir Schreiner Maran, e do juiz Luiz Felipe Medeiros Vieira, pelos relevantes serviços prestados em prol da população lagunense, que está recebendo os serviços jurídicos da Carreta da Justiça.

Antes de iniciar os trabalho nas comarcas em 2017, o juiz se antecipou e designou 60 audiências de matéria previdenciária em Guia Lopes da Laguna. “Se esses processos tivessem que ser julgados em Jardim, apesar do esforços dos juízes que lá atuam, a população teria que se deslocar para lá e aguardar um bom tempo pelo julgamento. Após as audiências, pretendemos sentenciar cada um dos processos e dar às partes a solução para seus problemas”, ressaltou ele.

Em Guia Lopes da Laguna, a carreta está estacionada em frente à Prefeitura, na Rua Adalberto de Menezes, 208. A próxima comarca a receber a unidade móvel será Aral Moreira, de 27 a 31 de março.

A carreta tem jurisdição em todo o Estado e competência para apreciar e julgar todas as ações de natureza cível, criminal e juizados especiais distribuídas durante suas jornadas, assim como atuar em mutirões processuais, inclusive em processos do Tribunal do Júri. Na pauta estão processos, entre ações referentes aos juizados especiais e justiça comum, que tramitavam na sede da comarca a qual a nova comarca pertencia.

Comentários

comentários