Caravana da Saúde realizou 1.300 consultas oftalmológicas no 1º dia do programa em Corumbá

A Caravana da Saúde atendeu 1.300 pessoas no primeiro dia do programa em Corumbá, na terça-feira (29), ultrapassando a estimativa, que era de atender entre 800 e mil interessados. O município teve o segundo maior número de pessoas atendidas, perdendo apenas para Três Lagoas, onde foram atendidas mais de 1.500 pessoas somente no primeiro dia da Caravana naquela cidade. Os agendamentos para cirurgias de catarata, previstas para iniciarem em Corumbá no dia 04, foram adiantados para o dia 02 e prosseguem até o dia 07 de outubro.

Mais tranquilo do que no primeiro dia, Caravana atende cerca de 300 pessoas nas primeiras duas horas do segundo dia
Mais tranquilo do que no primeiro dia, Caravana atende cerca de 300 pessoas nas primeiras duas horas do segundo dia

O segundo dia da Caravana em Corumbá começou mais tranquilo por causa do tempo chuvoso, no entanto, entre 05h e 08h da manhã desta quarta-feira (30), já estavam à espera 300 pessoas para serem consultadas com oftalmologistas. As consultas nessa especialidade médica vão até o sábado (03), e não precisa de agendamento prévio. Basta que o interessado leve a carteira do SUS e documentos pessoais. Quem ainda não tem o cartão do Sistema Único de Saúde (SUS), pode levar comprovante de residência, carteira de identidade, CPF, certidão de nascimento ou casamento para confeccionar o cartão junto à equipe da Prefeitura de Corumbá, responsável por esse setor durante a Caravana.

A Caravana da Saúde é um programa de iniciativa do Governo do Estado em parceria com municípios e entidades. Em Corumbá, 35 organizações parceiras estarão na cidade atendendo corumbaenses e ladarenses nos dias 03 e 04 de outubro. O navio da Marinha realizou 75 atendimentos odontológicos, no Porto Geral, somente na terça-feira (29).Pelo município, a Caravana da Saúde realizou, no primeiro dia, 68 radiografias na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) no Guatós e 48 ultrassonografias no Centro de Saúde da Mulher. Estão previstas durante todo o período do programa a realização de 650 radiografias e 640 ultrassonografias.

“Qualquer iniciativa que seja para o bem da população, a Prefeitura sempre vai estar junto. Nós não queremos saber de questões políticas neste período. Desde o primeiro momento, quando o governador Reinaldo Azambuja tomou posse, eu estive com ele conversando, já que era um programa de Governo a Caravana da Saúde e Corumbá era uma cidade importante que precisava da Caravana e ela seria parceira. Essa inciativa do Governo do Estado tem o apoio da Prefeitura. Nós temos mais de 100 profissionais do município que estão trabalhando na Caravana da Saúde que, além de funcionar aqui na escola, funciona também no Centro de Saúde da Mulher e na UPA. Essas unidades da Prefeitura também estão participando do programa, com sua estrutura física e também com os seus profissionais”, afirmou o prefeito de Corumbá, Paulo Duarte.

O Dia “D”

No sábado (03), na presença do governador do Mato Grosso do Sul, Reinaldo Azambuja, será feita a abertura oficial da Caravana da Saúde quando, segundo informações do secretário de Saúde do Estado, Nelson Tavares, serão anunciadas pelo governador algumas medidas para o setor de saúde de Corumbá.

Estipulado pela Caravana da Saúde como o dia “D” do programa, o sábado (03) será o dia onde diversas especialidades médicas atenderão pacientes que já estão previamente agendados. Consultas com cardiologistas, otorrinolaringologistas, ortopedistas, oncologistas e gastroenterologistas serão realizadas, além de biopsias de pele e microcirurgias que serão feitas no micro-hospital instalado na Escola Estadual João Leite de Barros.Parceiros como Hemosul, Hospital de Câncer de Barretos e o Hospital de Câncer Alfredo Abrão também estarão participando no dia 03.

No sábado e domingo, 35 instituições parceiras estarão presentes realizando atendimentos nos setores de saúde e cidadania.

DIARIONLINE

Comentários

comentários