Campo Grande tem confirmada etapa da Stock Car para o próximo mês

Lúcio Borges

Foto: Diogo Gonçalves – PMCG

A disputa de uma etapa da mais famosa corrida automobilística do Brasil, a Stock Car, acontecerá novamente em Campo Grande. A Capital reconquistou em 2018 o evento, que entre vindas e idas, volta neste ano, após três anos sem ocupar nosso autódromo ‘Orlando Silva’, com a principal categoria do automobilismo nacional. A prova acontecerá  no dia 19 de agosto, pela sétima etapa da principal categoria. A última corrida na Capital ocorreu em outubro de 2015, nos 3.588 metros de pista do Autódromo Internacional de CG, que receberá ainda em julho, a Formula Truck, prevista para o dia 29.

O espaço quase sem uso, passará novamente ou a cada vinda da corrida passa, por uma reforma/reestruturação para receber os carros que estiveram em concorrência pela primeira vez por aqui em 2003. Campo Grande nestes 15 anos, recebeu uma prova por diversas vezes e em anos consecutivos, nos primeiros anos, mas foi perdendo o direito para realizar o evento por causa da estrutura do autódromo e até da cidade. O resultado é que foi ficando sem conseguir trazer a corrida de volta, como nesses últimos dois anos, como entre 2013 e 2014, e em outros períodos.

Mas, nesta quarta-feira (18), após o que seria o terceiro ano sem, foi confirmado que a Stock Car está de volta a Campo Grande ante diversas negociações feita pela área esportiva e de eventos da atual administração. Hoje, no gabinete do Paço Municipal, foi anunciada ou ratificada nesta manhã, faltando um mês, a realização da sétima etapa da prova na Capital. O prefeito Marquinhos Trad com a presença do organizador da prova, Rodrigo Mathias, fizeram o lançamento simbólico público, acompanhados do diretor-presidente da Fundação Municipal de Esportes (Funesp), Rodrigo Terra, lideranças do automobilismo e empresários do setor de turismo da Capital.

Trad destacou a importância do planejamento, lembrando de visitas à São Paulo, para recolocar a Capital no circuito. Como ainda falou que tudo foi feito, pensando na movimentação que a prova pode gerar no turismo e comercio do município.

“Antes de falar de hoje temos que lembrar a nossa ida a são Paulo, quando começamos a planejar o lançamento. Há um ano, quando visitamos a organizadora, a Vicar para retornar a prova a Campo Grande, esse sonho parecia distante. Mas, a administração tem que pensar no futuro, sem querer colher os frutos no próximo mês. O que devemos fazer é lutar, preparar e deixar até para as outras gestões um Autódromo capacitado e pronto para receber qualquer tipo de evento. Levamos um ano e quatro meses para que pudéssemos estar aptos a receber ou a ter de volta a Stock Car e que possamos não ficar mais sem, com anos de vácuo e ter que refazer tudo de novo”, disse o prefeito.

Organização possibilitou retomar e ampliar

O prefeito também destacou que se levou um tempo citado, de mais de ano, mais que se logrou mais êxito para retomar o evento e ampliar. “Somos uma das poucas cidades que vai receber as três competições no mesmo dia, e o que nós plantamos há um ano, vamos trazer para Campo Grande não apenas em  2 horas de show, mas sim quase uma semana, mais de 74 carros, e cada veículo vem com mais 10 técnicos , o que movimenta a rede hoteleira na Capital e essa movimentação é altamente positiva”, lembrou Trad.

Rodrigo Mathias ressalta a visita da equipe da Prefeitura que estimulou a Vicar realizar a competição na Capital. “Estamos consolidando esse momento na Capital. É uma satisfação voltar para Campo Grande, porque está em linha completa com a nossa estratégia de negócio de estar presente nas Capitais. E queremos iniciar uma nova fase da Stock Car em Campo Grande e que se perpetue. Serão realizadas a Stock Car, Stock Ligth e o Campeonato Brasileiro de Marcas. Pela competitividade e pelo alto nível, a prova terá um show a parte com cinco ex pilotos da Fórmulas 1.

“Campo Grande volta a estar no cenário de grandes eventos esportivos. Receberemos este mês os dois maiores eventos de automobilismo brasileiro. Dia 29 de julho teremos a Copa Truck e duas semanas depois estamos confirmando a prova da Stock Car em Campo Grande. Hoje é um dia que mostra como a dedicação e o trabalho faz com que as coisas aconteçam”, falou o diretor-presidente da Funesp, Rodrigo Terra.

Os ganhos também foram ressaltados pela diretora-presidente do Campo Grande Destination, Melissa Tamassiro. “O retorno do evento a Campo Grande é fundamental, não só pela questão do esporte, mas para nós enquanto mercado entendermos o ativo econômico que pode trazer,  impactando na meta do turismo, principalmente com a dedicação da gestão em trazer além da Stock outras provas como os Jogos Radicais Urbanos que tem posicionado Campo Grande no cenário nacional de grandes eventos”, avaliou a representante da entidade turística.

Comentários