Campo Grande registra 3ºC nesta terça e sensação térmica chega a -5°C

Jackson Nogueira

Com previsão de temperatura abaixo de zero em Mato Grosso do Sul, o frio bate recorde no estado nesta terça-feira.

O Mato Grosso do Sul fica ainda mais gelado nesta terça-feira . A temperatura ficou abaixo de zero ao amanhecer em vários locais do sul do estado. Os agricultores devem se preparar para geada que pode ser forte nas próximas 48 horas no centro-sul e oeste do estado.

Fez 3ºC em Campo Grande nesta manhã,

Mas a geada mais severa deve ocorrer no sul de Mato Grosso do Sul. Os pastos devem ser duramente afetados. Pode gear em Campo Grande na quarta-feira.

Recorde de frio em Campo Grande

O frio aumenta também em Campo Grande e deve bater novos recordes Fez 3ºC na Capital nesta manhã, mas os ventos derrubam a sensação térmica para -5ºC, às 5h, conforme a Redemet (Rede de Meteorologia do Comando da Aeronáutica). O clima esquenta pouco conforme o sol aparece e a máxima não passa de 16ºC na Capital, que terá umidade variando entre 15% e 60%.

Em Ponta Porã, Dourados e Fátima do Sul os termômetros marcaram -1ºC ao amanhecer desta terça-feira (18), com geadas. O sol aparece à tarde em meio a névoa seca, mas a máxima não passa de 14ºC. A umidade varia entre 15% e 50%.

Mínima de 9ºC em Corumbá e Porto Murtinho. A região do pantanal deve ficar parcialmente nublada à tarde, com máxima de 19ºC e umidade entre 20% e 50%. Não chove na região.

No leste do Estado a mínima registrada foi de 11ºC nesta manhã. Em Anaurilândia e Bataguassu, o tempo não esquenta muito, a máxima deve ser de 19ºC, sendo que as temperaturas no fim do dia, com umidade entre 15% e 60%.

O frio intenso que começou a ser sentido nesta segunda-feira, 17, foi apenas o início da influência da intensa massa de ar polar que chegou ao Brasil e também está causando frio extremo em áreas da Bolívia, do Paraguai, da Argentina, do Uruguai e do Chile.

O centro desta massa de ar polar, que é a região onde o frio é mais intenso, alcançou o norte da Argentina e nesta situação, o ar polar entra com mais força sobre o Mato Grosso do Sul .

Comentários