Capital faz 117 anos comemorando em tradicional parada cívica com 55 desfilantes

CG1Campo Grande, amanhã, 26 de agosto, comemora seus 117 anos de emancipação politica-administrativa, o aniversário do município, que é feriado local. Como ocorre todos os anos, os tradicionais festejos oficiais da prefeitura da Capital ocorrerão na corrida do facho no inicio da manhã e após com o desfile cívico no centro da Capital, a partir das 8 horas. Este ano, apesar de todo o clima e problemas do País e em especial do município, a participação nas comemorações terá maior apresentações e presença de entidades.

Conforme divulgado pela prefeitura, este ano o desfile conta com 55 inscritos, entre escolas públicas e privadas, e, entidades civis e militares como: a Polícia Militar, BACG (Base Aérea de Campo Grande), CMO (Comando Militar do Oeste), entre outros. De acordo com a assessoria da prefeitura, a expectativa de público é de 30 mil pessoas, no desfile que acontece na extensão da Rua 14 de Julho, em percurso de 1,2 km. No ano passado, conforme a prefeitura, 41 entidades participaram.

Ao todo serão 4 horas de apresentação, tendo previsto com inicio pela Banda de Música Municipal “Maestro Ulisses Conceição”, seguida pela Confraria Apaixonados por Fusca. O desfile segue com apresentações diversas de fanfarras e performance de estudantes das escolas e projetos sociais. Para encerrar o desfile, o destaque fica com a ‘marcha’ dos agentes da Polícia Militar, Corpo de Bombeiros, Base Aérea e 20ª Cavalaria do Regimento de desfile (1)Cavalaria Blindado.

De acordo com a assessoria, a Fundac (Fundação Municipal de Cultura) montará estrutura de arquibancada ao longo de 600 metros no trecho entre a rua Dom Aquino até a rua 15 de Novembro, nos dois lados da rua. Haverá distribuição de água pela área e banheiros químicos.

Serviço

O desfile terá início às 8 horas, sendo realizado na Rua 14 de julho, no trecho entre a Avenida Mato Grosso e a Rua 7 de setembro.

Equipes do Exército Brasileiro, Guarda Municipal e segurança privada darão apoio à organização do desfile, que terá também a presença do Samu (Serviço de Atendimento Móvel à Urgência), do Corpo de Bombeiros e da Sesau (Secretaria Municipal de Saúde), além do posto fixo da Polícia Militar e Defesa Civil.

Durante mês

Jogos Escolares
Jogos Escolares

Os 117 anos de criação do município de Campo Grande já estão sendo comemorados durante todo o mês de agosto, em programação realizada pela prefeitura e que continua até dia 31, em diversos espaços da Capital, na região central e também em vários bairros da cidade.

A programação cultural contempla diversas atividades com shows musicais, parada cultural nos terminais de ônibus, artesanato, teatro, baile da terceira idade, exposições de artes, artesanato e do Arquivo Histórico de Campo Grande com imagens da história da Cidade Morena, festival de arte e capoeira, sarau lítero-musical e o tradicional desfile cívico-militar, que acontece nesta sexta-feira (26).

A exposição “A história de Campo Grande – Imagem por Fotografia” vai até o dia 30 de agosto com horário para visitação das 7h30min até as 17h, no Centro de Formação Espaço Lúdio Martins Coelho, localizado ao lado da Secretaria Municipal de Educação, na Vila Margarida, que apresenta a cidade em diversos momentos de sua história, seu povo, seus edifícios e suas ruas, desde o início do século.

Visitação

Uma das atividades culturais programadas para esta semana é Uma Noite No Museu, com a abertura do Museu José Antônio Pereira, localizado na Avenida Guaicurus, onde antigamente foi uma fazenda de um dos filhos do fundador da cidade, para que a população conheça suas dependências por meio de visitas guiadas. A visitação está programada para sexta-feira (26), das 15 às 21h, com exposição interativa de fotografias, exibição de filmes e show musical com Chicão Castro, além de uma exposição de carros antigos.

O Museu é uma replica da antiga sede da Fazenda Bálsamo e semelhante à residência do fundador da cidade, que permaneceu na rua 26 de agosto até o início dos anos 70 e onde está uma escultura feita de rocha e executada pelo artista plástico Índio, um dos ícones da arte sul-mato-grossense, em homenagem ao fundador da cidade. O Museu José Antônio Pereira abriga a história do início da Capital, antes de sua emancipação e é considerado patrimônio histórico de Campo Grande. Em Bálsamo, a pequena casa de pau-a-pique, o monjolo, o silêncio só encontrado na periferia semi-rural da cidade e até mesmo em carro de boi remetem o visitante ainda à saga construída pelos pioneiros desbravadores do sertão.

Esportes

Ainda dentro da programação do aniversário da Capital, estão os Jogos Abertos de Campo Grande, que teve abertura na noite de terça-feira em sua 38ª edição e que vão até 30 de setembro, em diversos espaços da cidade, reunindo 1.300 atletas de 105 equipes competindo em 13 modalidades coletivas e individuais, como o Página Brazil noticiou separadamente.

Comentários

comentários