Campanha Julho das Pretas intensifica o combate ao racismo

Da Redação

Serão realizadas diversas ações durante o mês como, rodas de conversa, palestras, oficinas e atividades culturais (Foto: Divulgação)

A Subsecretaria de Políticas Públicas para Promoção da Igualdade Racial, lançou na tarde de terça-feira (9) a Campanha Julho das Pretas, que coloca em evidência o debate sobre as políticas públicas de enfrentamento ao racismo, aos preconceitos e a todas as formas de violação de direitos, reafirmando o protagonismo e a participação das mulheres negras nos espaços políticos.

Esse é o primeiro ano que o Governo do Estado realiza uma campanha dedicada especialmente às mulheres negras, em alusão ao dia 25 de julho, Dia Internacional da Mulher Negra Afro Latina-Americana e Caribenha, e o Dia Nacional de Tereza de Benguela e da Mulher Negra. Em Mato Grosso do Sul, a lei nº 5.254/2018 criou o “Dia Estadual das Mulheres Negras”.

Serão realizadas diversas ações durante o mês como, rodas de conversa, palestras, oficinas e atividades culturais. “O Julho das Pretas reafirma a importância da luta antirracista e antissexista na garantia dos direitos e do protagonismo das mulheres negras sul-mato-grossenses contra o racismo e a violência, pelo bem viver da população negra”, ressalta a Subsecretária Estadual de Políticas Públicas para a Promoção da Igualdade Racial, Ana José Alves.

Segundo a Secretária Especial de Cidadania, Luciana Azambuja o Governo do Estado tem o compromisso com as políticas Públicas para a promoção da igualdade racial. “Nós queremos um Mato Grosso do Sul sem racismo e a campanha “Julho das Pretas” vem para falar sobre o fim fim das violências, preconceitos e discriminações que as mulheres e meninas negras sofrem. Precisamos debater a  superação das desigualdades de gênero e raça todos os dias, mas temos um mês especifico para chamar a atenção da sociedade e da mídia, com foco na questão racial”, afirma.

Representando o Governador Reinaldo Azambuja, o secretário Especial de Governo, Carlos Alberto de Assis, ressaltou a importância da campanha. “Esse Governo tem por meta combater as desigualdades, o Julho das Pretas da visibilidade para a população negra é um mês de comemoração, de levar informação, de mostrar que nós temos orgulho da nossa raça, que temos uma história de lutas que merece ser respeitada”.

Participaram também da Solenidade de lançamento da Campanha, a Coordenadora de Políticas Públicas de Promoção da Igualde Racial de Campo Grande, Rosana Anunciação, acompanhada de seus pais, o patriarca da Comunidade Negra São João Batista Reginaldo Anunciação e da matriarca Maridalva Anunciação. Além da Secretária Adjunta de Cidadania Maria Thereza Trad, Subsecretária de Política Públicas para Mulheres Giovana Correa, Subsecretário de Política Públicas LGBT Frank Rossatte, Subsecretário de Política Públicas para a Juventude Ian Leal, Messias de Souza, representando o Deputado Estadual Reanto Câmara, líderes comunitários e representantes de movimentos sociais e sociedade civil.

 Dando sequência a programação das ações nesta quarta-feira (10.7), às 17h30 será exibido o documentário: Mulheres Negras: Projetos de Mundo, no Museu da Imagem e do Som, seguido de debate.

Comentários