Caiu no Horto tá vivo! Flu não tem pena de Galo e bate Atlético-MG no Independência

Michael Franco com informações da ESPN

Com atuações decisivas de Henrique “Ceifador” e Richarlison, o Fluminense derrotou o Atlético-MG por 2 a 1 e manteve 100% de aproveitamento no Campeonato Brasileiro. A partida válida pela segunda rodada da competição foi disputada no estádio Independência, em Belo Horizonte, neste domingo.

O resultado fez a equipe comandada por Abel Braga ir aos seis pontos ganhos na segunda posição, atrás do Grêmio apenas no saldo de gols (4 a 2 para os gaúchos). Sem vencer no torneio, o time de Roger Machado ocupa a 15ª colocação com um ponto.

Os mineiros não puderam contar com o atacante Robinho, que sentiu cansaço muscular, além de Erazo, suspenso.

No clube tricolor, foi a volta de Gustavo Scarpa ao time titular desde a lesão no pé direito sofrida em 25 de fevereiro no jogo contra o Madureira pelo Campeonato Carioca. Aos 34, Henrique Dourado tocou para Richarlison, que tropeçou na perna de Marcos Rocha dentro área e caiu. O juiz assinalou penalidade.

Na cobrança, Henrique Dourado chutou a meia altura no canto esquerdo de Victor, que ficou ajoelhado no meio do gol, para abrir o marcador.

O Atlético-MG mal teve tempo de absorver o golpe. Henrique “Ceifador” fez jogada pela direita, puxou para o pé esquerdo e cruzou na área. Richarlison acertou uma cabeçada sem chances para o arqueiro atleticano.

Mesmo com a grande desvantagem, os donos da casa não se abateram. Aos 40, Cazares cruzou para Gabriel completar para o fundo das redes. O empate quase veio aos 42. Cazares acertou um lindo chute de longa distância, mas Diego Cavalieri fez grande defesa no alto.

Menos é mais

No segundo tempo, o Fluminense quase marcou o terceiro com Henrique “Ceifador”. Ele recebeu belo passe na área, driblou Marcos Rocha com o pé esquerdo e finalizou com o direito. Victor espalmou para fora da meta.

Aos 16, foi a vez do Atlético-MG perder boa chance. Elias cruzou para a área e Rafael Moura tocou para Maicosuel. O meia ficou de frente para Cavalieri, mas chutou por cima da meta.

Aos 35, Sornoza se lesionou e precisou ser retirado de campo. Como o técnico Abel Braga já havia feito as três substituições, o Fluminense ficou um jogador a menos até o apito final.

Com a vantagem númerica, o atacante do Atlético-MG pressionou demais o adversário com cruzamento dentro da área carioca. Aos 48, Cazares cobraou falta lateral direto para o gol e quase encobriu Cavalieri.

Aos 50, Elias ainda perdeu uma chance na cara do gol, só com Cavalieri na sua frente. A decepção ficou clara em cada olhar alvinegro, por causa dos grandes erros que causaram a derrota.

Ficha técnica

ATLÉTICO-MG 0 X 1 FLUMINENSE
Local: Estádio Independência, em Belo Horizonte (MG)
Data: 21 de maio de 2017, domingo
Hora: 16h (de Brasília)

Árbitro: Jean Pierre Gonçalves Lima (RS)
Assistentes: Lucio Flor (RS) e Leirson Peng Martins (RS)

Gols: Henrique Dourado, aos 36 minutos, Richarlison, aos 38 minutos, ambos no primeiro tempo (Fluminense); Gabriel, aos 41 minutos do primeiro tempo.
Cartões: Nogueira, Sornoza, Richarlison, Marcos Júnior (Fluminense)

ATLÉTICO-MG: Victor, Marcos Rocha, Felipe Santana, Gabriel e Fábio Santos; Adilson, Rafael Carioca (Maicosuel), Elias e Cazares; Otero (Rafael Moura) e Fred
Técnico: Roger Machado

FLUMINENSE: Diego Cavalieri, Lucas (Renato), Henrique, Nogueira e Léo; Orejuela, Wendel e Sornoza; Scarpa (Douglas), Henrique Dourado e Richarlison (Marcos Júnior).
Técnico: Abel Braga

Comentários