Cabo do Corpo de Bombeiros bate moto de frente com caminhão e morre em rodovia

Segundo a polícia, o militar retornava da cidade de Três Lagoas

Leonardo atuava como bombeiro na Capital – Foto: Reprodução/Facebook

O cabo do Corpo de Bombeiros Militar Leonardo Gonçalves Pereira Júnior, 42 anos morreu ao bater de frente com um caminhão, na noite de terça-feira (27), na BR-262, em Ribas do Rio Pardo, na região central de Mato Grosso do Sul. A vítima foi socorrida, mas não resistiu aos ferimentos.

De acordo com o boletim de ocorrência, o motociclista seguia pela rodovia, por volta 21h30, quando bateu de frente com o caminhão carregado com madeira, que transitava no sentido contrário.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), atendeu a ocorrência. A vítima foi levada ao hospital do município e morreu ao chegar a unidade de saúde.

O motorista do caminhão, de 44 anos,não ficou ferido e foi levado à delegacia de Polícia Civil de Ribas do rio Pardo onde foi interrogado. Ele foi indiciado por homicídio culposo (sem intenção) na direção de veículo automotor.

Segundo a polícia, Leonardo morava em Campo Grande e voltava de Três Lagoas quando sofreu o acidente.

Comentários