Brasileiro é executado a tiros na fronteira e mulher fica ferida

Um brasileiro foi executado a tiros e uma mulher ficou ferida também ao ser atinga. O crime aconteceu na noite desta quinta-feira(26), na cidade paraguaia de Capitán Bado, que faz fronteira com a cidade brasileira Coronel Sapucaia.

De acordo com a imprensa local, o homem foi identificado como Nardenson Alves Viana, que tem 36 anos e o apelido de Paulistinha. A mulher que ficou ferida foi identificada como Catalina Benítez Céspedes foi atingida.

 

Ainda conforme as informações, Nardenson estava sentado no momento do execução e morreu no local do crime, na rua Palma, em frente ao Club Sargento Oliveira. Já Catalina foi levada para uma unidade de saúde local.

Ainda não há informações sobre o estado de saúde dela nem sobre o motivo do crime que resultou na morte do brasileiro. O caso será apurado pela polícia paraguaia, que foi ao local para os procedimentos de praxe.

Comentários