Bordel oferece sexo grátis em protesto contra impostos na Áustria; veja fotos

Um bordel de Salzburgo, na Áustria, ofereceu bebidas e até programas grátis como protesto contra a cobrança de impostos. A promoção foi realizada pelo bordel Pascha.

Duas mulheres esperam por clientes na casa noturna Pascha em Salzburgo, na Áustria (Foto: Leonhard Foeger/Reuters)
Duas mulheres esperam por clientes na casa noturna Pascha em Salzburgo, na Áustria (Foto: Leonhard Foeger/Reuters)

O dono Hermann Müller, que dirige outros bordéis na Alemanha e na Áustria, disse que considera injusta a tributação de quase 4 milhões de euros (R$ 14 milhões) na última década. Como as garotas de programa não iriam receber nada, Müller disse que compensaria o que elas normalmente ganham com os clientes.

Mulher aguarda no balcão do bar da casa noturna Pascha em Salzburgo, na Áustria (Foto: Leonhard Foeger/Reuters)

Mulher sobe as escadas da casa noturna Pascha em Salzburgo, na Áustria. O local está oferecendo sexo gratuito em protesto contra impostos (Foto: Leonhard Foeger/Reuters)

Mulher aguarda no balcão do bar da casa noturna Pascha em Salzburgo, na Áustria (Foto: Leonhard Foeger/Reuters)

Foto: Leonhard Foeger/Reuters

A prostituição é legal e regulamentada na Áustria. Veja mais fotos do local:

Hermann ‘Pascha’ Mueller, dono do bordel, gesticula enquanto fala em seu bordel em Salzburgo, na Áustria. Mueller disse que compensará com dinheiro do próprio bolso pelo trabalho das mulheres e bebidas consumidas durante a promoção.

G1

Comentários

comentários