Bolsonaro passará por cirurgia de médio porte na semana que vem, diz médico

Agência Brasil

O presidente Jair Bolsonaro (Foto: Dida Sampaio/Estadão)

O presidente Jair Bolsonaro (PSL) passará por uma nova cirurgia no abdômen  no próximo domingo (8), segundo o médico Antônio Luiz Macedo, que o operou após a facada em 2018.

A intervenção, a quarta desde o atentado contra o presidente, é de médio porte segundo o médico, e será feita Hospital Vila Nova Star, no Itaim Bibi, Zona Sul da capital paulista.

De acordo com Macedo, Bolsonaro precisa passar por uma nova cirurgia pois surgiu uma hérnia no lugar da incisão anterior. “A cirurgia da facada, abrimos três vezes no mesmo lugar. Enfraqueceu”, disse o médico.

Pelas redes sociais, o presidente disse que deve ficar afastado por 10 dias.

“Agora em São Paulo com os Drs. Macedo e Leandro [Echenique, cardiologista]. Pelo que tudo indica curtirei uns 10 dias de férias com eles brevemente. Bom dia a todos”, escreveu Bolsonaro em suas contas no Facebook e no Twitter.

Bolsonaro foi avaliado pelos médicos pela manhã, no aeroporto de Congonhas, em São Paulo. De lá, seguiu de helicóptero para o Templo de Salomão, da Igreja Universal do Reino de Deus, onde onde participará de um culto religioso. Ele deve voltar para Brasília no fim da tarde.

O presidente foi esfaqueado em 6 de setembro do ano passado, durante a campanha eleitoral, em Juiz de Fora durante campanha eleitoral para a presidência. De lá para cá, passou por três cirurgias. O autor do atentado foi internado por tempo indeterminado em um manicômio judicial.

Comentários