Bolsas caem após anúncio de Trump sobre tarifas contra China

O mercado financeiro mundial opera em baixa nesta segunda-feira (6) devido ao anúncio do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, de aumentar as tarifas contra produtos chineses. A Bolsa de Xangai abriu o dia com queda de 5%. A de Shenzhen, a segunda mais importante da China, despencou 4,95%, enquanto a de Hong Kong caiu 2,44%. Trata-se do pior resultado do mercado financeiro do país em três anos.

Na Europa e em toda a Ásia, os mercados sentiram o efeito e abriram em queda de cerca de 2%. A da Alemanha – a mais sensível ao temores de uma guerra comercial – sofreu queda de 1,7%. Na Espanha, Itália e Austrália, os índices também oscilaram para baixo ao longo do dia.

O Ibovespa, principal índice da Bolsa brasileira, operava em baixa de mais de 1% pela manhã, e o dólar comercial tinha alta de 0,7%, a R$ 3,967 na venda.

Trump anunciou ontem, pelas redes sociais, que aumentaria de 10% a 25% as tarifas sobre US$ 200 bilhões de produtos chineses importados. (ANSA)

Comentários