Blatter e Platini podem ser banidos do futebol após suspensão da Fifa

O comitê de ética da Fifa deverá apelar contra a decisão que puniu Joseph Blatter e Michel Platini por 8 anos. Investigadores ligados ao órgão entendem que a suspensão dos dirigentes foi branda e querem que ambos sejam banidos para sempre do futebol.

Joseph Blatter e Michel Platini foram suspensos por 8 anos acusados de suborno (Foto: AFP)
Joseph Blatter e Michel Platini foram suspensos por 8 anos acusados de suborno (Foto: AFP)

A câmara de investigação do comitê de ética da Fifa confirmou na segunda-feira que houve discordância na decisão (ocorrida no fim de dezembro) que suspendeu Blatter e Platini.

“Temos interesse de rever a decisão”, disse um membro do comitê de ética da Fifa ao jornal inglês The Telegraph.

Blatter e Platini foram afastados do futebol devido a suborno. Eles não conseguiram comprovar a transação envolvendo ambos em 2011.

Platini recebeu o equivalente a R$ 8 milhões de Blatter, em 2011, dias antes da eleição para presidente da Fifa daquele ano. Platini e Blatter disputavam o pleito. O dirigente francês alega que o valor recebido se referia a serviços prestados de 1999 a 2002 quando assessorava Blatter na presidência da Fifa.

Mas o comitê de ética Fifa rejeitou a versão de “serviço prestado” e entendeu que houve suborno, pois Platini recebeu o dinheiro semanas antes de retirar sua candidatura da eleição presidencial de 2011. O dinheiro não foi apresentado no balanço da Fifa daquele ano; Blatter informa que era um “acordo verbal”. (UOL)

Comentários

comentários