Bernal quebra protocolo e faz novo discurso aos professores

Em um discurso breve, o prefeito Alcides Bernal (PP), no palanque de autoridades que assistem ao desfile de aniversário de 116 anos de emancipação de Campo Grande, voltou a agradecer ao “Gaeco, do Ministério Público Estadual e PF pelo “excelente trabalho”, reiterando que “”a Justiça foi feita”

Bernal discusa aos professores Foto Silvio Ferreira
Bernal discusa aos professores Foto Silvio Ferreira

Em tom conciliatório Bernal agradeceu “aos vereadores que compareceram e até aos que não compareceram ao desfile”, falou em “diálogo” e anunciou “a intenção de negociar com as categorias de servidores em greve na Capital: professores, médicos e enfermeiros.”

Reconduzido ao cargo por decisão do Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul nesta terça-feira (25), Bernal assiste ao desfile de aniversário de Campo Grande, no palanque das autoridades, juntamente com os vereadores Cazuza, Thaís Helena e Alex do PT,? Betinho, Paulo Pedra (PDT) e do deputado estadual Felipe Orro (PDT) entre outros políticos.

O tradicional desfile seguiu tranquilo, sem manifestações políticas contundentes. O clima agradável favoreceu a participação da população, que compareceu em grande número e acompanha o desfile de entidades beneficentes e bandas escolares, até que O fluxo do desfile foi interrompido pelos professores municipais, que conduzindo um caixão com uma imagem de Gilmar Olarte (PP), pararam em frente ao palanque das autoridades, para entregarem ao prefeito Alcides Bernal (PP), vassouras.

A manifestação acabou abrindo.espaço.para um discurso de Bernal e do professor Geraldo Gonçalves, presidente da ACP (Associação Campo-Grandense de Professores.

Na fala, Bernal declarou que “lei não se questiona, lei se cumpre” referindo-se à lei assinada que garantia aos professores o reajuste de 13,01%, para equiparação ao piso nacional da categoria. “De forma racional, razoável, buscarei entrar em acordo com os professores municipais o mais rápido possível.”, finalizou Bernal

Silvio Ferreira

Comentários

comentários