Bandidos morrem após troca de tiros com a polícia durante sequestro de esposa de médico

Dois bandidos morreram durante troca de tiros com a polícia, na madrugada desta quarta-feira (31), em Campo Grande, após sequestrarem a esposa de um médico.

Armas apreendidas com os assaltantes — Foto: José Aparecido/TV Morena

De acordo com a polícia, o médico participava de uma confraternização com colegas em um restaurante da rua Euclides da Cunha, quando por volta das 23h (de MS), a esposa chegou para buscá-lo.

Ela avisou ao marido que já estava no local e enquanto o aguardava, foi rendida por assaltantes. Ao sair do restaurante e verificar que a esposa não estava no local combinado, o médico ligou no celular dela e como não conseguia contato, suspeitou de violência e acionou a polícia.

Ele repassou as características do veículo e então policiais militares abordaram o carro na avenida Duque de Caxias. Os dois ocupantes confessaram o sequestro e contaram onde a mulher estava.

Outra equipe de policiais foi ao endereço indicado, no Indubrasil, e lá encontraram a mulher. Ela saiu correndo do imóvel e os suspeitos atiraram nos militares, que revidaram.

Os bandidos foram atingidos, levados para a UPA Santa Mônica, mas não resistiram e morreram.

Comentários