Bancada do PT quer investigar Azambuja por suposto crime de responsabilidade

Jackson Nogueira com Lúcio Borges

A bancada do PT protocolou requerimento na manhã de hoje (23) na Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul, pedindo a criação de comissão especial para investigar o suposto esquema de recebimento de propina em troca de incentivos fiscais no governo Reinaldo Azambuja (PSDB), conforme delatado pelo empresário Wesley Batista, dono da JBS.

A intenção é apurar se existe crime de responsabilidade fiscal do atual governo.

O assunto levou debate para a Casa de Leis.

Deputados do PSDB pedem também que as investigações cheguem até o deputado federal Zeca do PT, que governou entre 1999 e 2006 e o ex-governador André Puccinelli (PMDB), que governou de 2007 a 2014.

Pela manhã, Azambuja se reuniu a portas fechadas com os parlamentares antes do início da sessão.

Comentários