Atlético-MG aproveita superioridade numérica para vencer o Sport

Deu Galo. Em um jogo muito disputado e com uma expulsão que se tornou fundamental, o Atlético-MG venceu o Sport na noite desta quinta-feira, na Arena Independência, e somou mais três pontos na Série A do Campeonato Brasileiro. O Leão viu a sua estratégia ser prejudicada no final do primeiro tempo, quando o goleiro Magrão foi expulso por tocar a bola com a mão fora da área. O Galo aproveitou a superioridade numérica no começo do segundo tempo, com um belo gol de Júnior Urso.

O meia Cazaras voltou ao time do Galo (Foto: Globo Esporte)
O meia Cazaras voltou ao time do Galo (Foto: Globo Esporte)

Com a vitória, o Atlético-MG segue na terceira colocação da Série A, com 45 pontos conquistados. O Galo diminuiu a distância para os líderes Palmeiras e Flamengo para três e dois pontos. O Sport segue com 30 pontos e se mantém na 13ª colocação.

Atlético-MG e Sport voltam a jogar no domingo, às 16h. O Galo terá o clássico mineiro contra o Cruzeiro, no Mineirão. Já o Leão, volta para a Ilha do Retiro, onde recebe o Coritiba em um jogo importante na briga contra o rebaixamento.

Um jogo muito disputado e com poucas chances claras. Foi assim o primeiro tempo de Atlético-MG e Sport na Arena Independência. Os mineiros assustaram em lances esporádicos com o atacante Clayton e o Sport chegou perto em boas jogadas pela esquerda, mas não conseguiu finalizar. O lance mias importante dos 45 minutos iniciais foi aos 38 minutos, quando o goleiro Magrão tentou interceptar uma bola fora da área, mas errou o tempo da bola e acabou tocando com a mão. Tomou o cartão amarelo direto e passou a adotar uma postura mais defensiva.

Com um homem a mais, o Atlético-MG adotou uma postura ainda mais ofensiva na segunda etapa e foi premiado logo aos 13 minutos. Júnior Urso aproveitou boa jogada individual de Otero e chutou no canto do goleiro Agenor para abrir o placar. O gol levava a crer que o Galo aumentaria a pressão para ampliar o placar, mas na prática isso não aconteceu. Os mineiros até cercaram muito o Sport, mas pecaram nas poucas finalizações que deram e fecharam o jogo com o placar mínimo de 1 a 0.

O meia Cazaras voltou ao time do GAlo depois de dois meses no departamento médico. O equatoriano vinha sendo o grande destaque do time no começo da Série A e deve brigar por uma vaga no time titular, já que o ataque agora é formado por Robinho, Fred e Lucas Pratto. “Problema” para o técnico Marcelo Oliveira.

Expulso aos 38 minutos do primeiro tempo por ter colocado a mão na bola fora da área, o goleiro Magrão adiou a festa que era preparada pelo clube para o jogo do próximo domingo, contra o Coritiba. O ídolo do Leão completaria 600 jogos com a camisa rubro-negra. A festa ficou para o sábado da semana seguinte, diante do Santos.

Público: 11.389

Renda: R$ 382.580

Comentários

comentários