Assassino de mototaxista cometeu crime para pagar dívida de droga; áudio

Cleber Antero dos Santos, de 28 anos, que degolou o mototaxista de Campo Grande, Hildo Paulo Osuna Escardim, de 61 anos, na última sexta-feira (17), preso em ação conjunta das polícias de Nioaque, Guia Lopes da Laguna e Jardim, foi apresentado nesta terça-feira (21) à imprensa. O crime foi cometido entre os municípios de Jardim e Nioaque. Cleber foi apresentado pela Polícia Civil de Jardim. Durante a entrevista, o delegado Valdemiro Mendes Arguilhero, revelou detalhes do latrocínio.

22uelisson

As investigações apuraram que Cleber solicitou por celular, ao mototaxista de Campo Grande que estava em Jardim, uma corrida até uma fazenda na região de Nioaque. Na sexta à noite, Hildo saiu de Jardim para Nioaque e desapareceu. De acordo com a Polícia Civil, durante à corrida, Hildo parou a motocicleta para abertura de uma porteira, entre Nioaque e Jardim, quando Cléber degolou o mototaxista. Ainda de acordo com informações do depoimento de Cléber, ele teria cometido o latrocínio para receber R$ 1 mil, levando a moto, inicialmente, até Guia Lopes da Laguna.

Através do celular do motoxista, que foi encontrado junto ao corpo no sábado, por um caminhoneiro, os policiais identificaram através do registro de chamadas, o suspeito pelo crime. Com base nas informações apuradas a Polícia Civil obteve um mandado de prisão preventiva e Cléber foi preso na segunda-feira, em ação conjunta das polícias Civil e Militar de Guia Lopes da Laguna, Jardim e Nioaque.

De acordo delegado, Cleber confessou o crime e admitiu que matou Hildo “para pagar uma dívida”. Cleber teria recebido R$ 250 e receberia o restante do dinheiro ao entregar a moto em Guia Lopes. O delegado informou ainda que Hildo já havia transportado Cleber em outras corridas e que por isso, não teria levantado nenhuma suspeita.

O assassino confesso tem diversos antecedentes criminais, como furto e lesão corporal dolosa e até o dia 16 de maio, cumpria pena em regime semi-aberto, no Estabelecimento Penal de Jardim. Cleber deverá responder por latrocínio qualificado. Ao ser preso Cleber informou que entregou a moto de Hildo, uma Honda Fan 150, vermelha, placa HTM-0378 de Jardim para Silvana Ledesma Chaves. A  moto foi apreendida ainda na segunda-feira, na cidade de Bela Vista na fronteira com o Paraguai, com Silvana, que foi autuada por crime de receptação.

Confira o áudio da apresentação da Polícia Civil:

 

 

 

Comentários

comentários