Aquidauanense empata com Operário e está na semifinal do Estadual

Da Redação

Azulão segurou pressão do Galo que buscou empate mesmo com dois jogadores a menos

O Aquidauanense é o primeiro semifinalista do Campeonato Estadual. Neste sábado (30), em Campo Grande, o Azulão empatou com o Operário FC em 1 a 1, resultado que precisava para eliminar o atual campeão da competição. Baiano marcou o gol azul já na reta final do jogo e Bruno Centeno, nos acréscimos, empatou, mas muito tarde para tentar a virada. Aquidauanense agora espera o classificado entre Comercial e Corumbaense, que jogam neste domingo (31), para conhecer o adversário. Seja qual for, o primeiro jogo será no Estádio Noroeste.

Empate no Morenão colocou Aquidauanense na semifinal do Estadual pela segunda vez (Foto: Anderson Ramos/Capital News).

O jogo foi movimentado desde o início. O Operário teve a chance de abrir o placar aos sete minutos do primeiro em jogada iniciada em uma bola roubada no meio por Bruno Centeno. Jorginho recebeu já na área pela direita e tocou na saída de Diego, que fez grande defesa. A resposta do Aquidauanense veio aos 14 minutos. Baiano recebeu na direita e, quase na linha de fundo, rolou a bola para chegada de Cy. O meia bateu firme e Jota conseguiu desviar a bola que depois bateu na trave. Aos 20 outra chance azul que o goleiro operariano conseguiu evitar o gol.

A partida, que seguia equilibrada, pendeu para o lado do Aquidauanense aos 40 minutos. Em lance na lateral, o atacante Thiago Miracema acertou uma cotovelada no volante Peterson. Alertado pelo quarto árbitro Everton Moraes Prates, que estava de frente para o lance, Paulo Henrique Salmázio expulsou o atacante operariano. Essa foi a segunda expulsão de Miracema em jogos decisivos. Contra o Botafogo-PB, pela Copa do Brasil, aconteceu o mesmo, também no primeiro tempo.

No segundo tempo, com um jogador a mais, o Aquidauanense tentou controlar o jogo, mas o Operário, empurrado pela torcida teve boas chances. Aos 23 minutos, após cobrança de escanteio de Jorginho, a zaga afastou parcialmente e a bola sobrou para o próprio Jorginho pela esquerda invadir a área e bater para mais uma defesa de Diego. Aos 26, Uélison Santana cobrou falta pela esquerda e Jeferson Gibran, de cabeça e livre na área, cabeceou para fora. Aos 36, Jorginho recebeu passe açucarado na área e bateu no contrapé de Diego, mas acertou a trave.

A resposta azul foi fatal. Dois minutos depois, Uélison Santana avançou pela direita, tocou para Cy que fez bela jogada pelo meio e viu Baiano livre. O atacante recebeu e tocou na saída de Jota e deu sorte. A bola desviou no zagueiro que tentava cortar o chute e tirou qualquer possibilidade de defesa do goleiro, que viu a bola morrer na rede. A vantagem ficou ainda maior ao 44 minutos, com a expulsão de Emerson Santos, deixando o Galo com nove jogadores. Mesmo assim o time de Campo Grande conseguiu o empate com Bruno Centeno aos 49 minutos, mas o placar ficou em 1 a 1, mantendo o Aquidauanense na disputa e tirando o atual campeão.

Outros jogos – As quartas de final do Estadual seguem neste domingo (31) com mais três jogos. Às 15h, Comercial e Corumbaense jogam no Estádio Morenão. Como venceu em casa por 2 a 1, o Carijó joga pelo empate e o Colorado precisa vencer, não importa o placar. No mesmo horário, no Estádio Chavinha, o Sete de Dourados recebe o Costa Rica. Vencedor na ida por 2 a 0, os douradenses construíram ampla vantagem sobre o adversário. Para se classificar, o CREC precisa vencer por diferença mínima de três gols.

A fase termina às 17h no Estádio Ninho da Águia com o jogo de volta entre Águia Negra e SER Chapadão. Na ida, a Serc venceu por 1 a 0 e agora avança com um empate. O time de Rio Brilhante só segue no campeonato se vencer o jogo por qualquer placar.

Comentários