Após ser preso por furtos, homem afirma que estava “possuído”

O artista plástico Allan Diego Moreira da Silva, 29 anos, foi preso ontem (12), em Dourados, após realizar furtos na região do Jardim Água Boa.

De acordo com o site Dourados News, o primeiro furto ocorreu em uma loja de produtos agrícolas, localizada no Jardim Manoel Rasselen. Allan quebrou as vidraças do local e fugiu levando uma escada e uma garrada.

O segundo furto foi em uma loja de bombas injetoras, no Jardim Água Boa. Para entrar no local, ele também quebrou as vidraças. Allan estava furtado do local um monitor de computador, quando foi abordado pelos policiais.

Autor foi autuado em flagrante. Foto: Osvaldo Duarte
Autor foi autuado em flagrante. Foto: Osvaldo Duarte

Na delegacia, Allan confessou o crime porém negou ser o autor do primeiro furto na loja de produtos agrícolas. O acusado ainda afirmou que cometeu a ação porque estava “possuído”.

O artista plástico, natural de Maringá, no Paraná, foi autuado em flagrante por furto.

Comentários

comentários