Após ouvirem tiros, vizinhos encontram homem e mulher executados na calçada

Na madrugada deste domingo (11), uma mulher dentificada somente como Dulcimeire e era natural de Cuiabá, no Mato Grosso e Antônio Francisco Ferreira de Alcântara, de 40 anos, foram baleados e morreram. O fato aconteceu por volta das 2h, na rua Belo Horizonte, na vila Erondina, em Dourados.

Vítimas ainda não tiveram nomes divulgados pela polícia – Foto: Osvaldo Duarte

Conforme informações policiais, populares acionaram o Samu (Serviço Móvel de Urgência) na madrugada com informações sobre duas pessoas “caídas” na calçada. Conforme relatos, os moradores próximo ao fato, teriam ouvido ao menos seis disparos e não souberam relatar sobre barulhos de veículos.

Quando o socorro chegou ao local, o homem já estava morto, sendo que havia levado um tiro na nuca e outro na cabeça.

Já a mulher havia levado tiros próximo ao ouvido e outro de “raspão no braço”. Ela foi socorrida com vida e morreu horas depois.

A polícia Militar, Polícia Civil e Perícia estiveram no local e investigam o caso.

Há suspeitas de que as vítimas seriam usuárias de drogas, já que no local, a polícia encontrou cachimbos e latas.

Comentários