Após “adiar” título mundial de Medina, Ítalo vence etapa de Portugal

Gazeta Esportiva.com

Neste sábado, o surfe brasileiro recebeu uma boa e uma má notícia, sendo as duas graças ao talento de Ítalo Ferreira Isso porque o surfista nacional de 24 anos teve um dos grandes momentos de sua carreira ao conquistar o título da etapa de Portugal após eliminar na final o francês Joan Duru e marcou mais uma vez seu nome no esporte. No entanto, o triunfo fez com que o também brasileiro Gabriel Medina perdesse a chance de ficar com o título mundial, já que o campeão de 2014 precisava ficar com o caneco lusitano para ficar com o bicampeonato.

O grande momento da trajetória até a conquista em Portugal foi na semifinal, quando Ítalo conseguiu um aéreo incrível, bem no fim da bateria e eliminou qualquer chance de Medina conquistar o título da temporada de forma antecipada.

Italo Ferreira durante a prova em Portugal (Foto: Francisco LEONG / AFP)

No entanto, mesmo com a decepção de não ter ficado com o título mundial neste sábado, Medina tem uma situação até que confortável para conseguir na última etapa do circuito, que acontece em Pipeline, no Havaí. Com 56.190 pontos, o brasileiro está bem a frente dos segundos colocados, o australiano Julian Wilson e o também brasileiro Filipe Toledo que têm 51.450.

Caso Medina conquiste o título, o surfe brasileiro terá a terceira oportunidade de se orgulhar de ter o campeão mundial da temporada. Em 2014, o próprio Gabriel conseguiu a façanha, se tornando o primeiro surfista do Brasil a conseguir o feito, sendo que, no ano seguinte, foi a vez de Adriano de Souza, o Mineirinho, ficar com o troféu e a honraria de melhor do ano.

Comentários