Após 20 dias de acidente em rodovia, vítimas carbonizadas são identificadas

As informações são do site Da Hora Bataguassu

Após vinte dias do acidente fatal, os corpos das quatro vítimas que morreram carbonizadas na rodovia MS-395, entre as cidades de  Bataguassu e Brasilândia, foram identificados.

Foi realizada no último dia 02 de julho, a coleta de materiais genéticos dos familiares para a realização do exame de DNA para a identificação das vítimas. Nesta quinta-feira (18), quinze dias após os exames, o resultado foi divulgado e os corpos identificados.

O velório das quatro vítimas, Dolores Sanches Dias, de 72 anos, que seguia acompanhada da filha Eleny Aparecida Sanches Dias, de 48 anos; Claudia Rodrigues Ledesma, de 42 anos, que era acompanhada pela jovem Thaina Aparecida Rodrigues Ledesma, de 21 anos, acontecerá a partir das 14 horas deste sábado, dia 20 de julho, no Ginásio de Esportes de Bataguassu.

Segundo a imprensa local, o sepultamento também acontecerá na tarde deste sábado, no Cemitério Municipal.

O grave acidente que resultou na morte das quatro mulheres ocorreu na noite de 28 de junho, quando o veículo em que elas estavam bateu na traseira de um caminhão caçamba e em seguida capotou e pegou fogo. Apenas o motorista conseguiu sair antes que as chamas se alastrassem. O motorista do caminhão não se feriu.

 

Comentários