Após 14 vices e 103 anos de espera, Operário-PR conquista o paranaense

Foram 103 anos de espera. O segundo clube mais antigo do estado do Paraná, enfim, levantou o caneco do estadual. Neste domingo, em pleno Couto Pereira, o Operário superou o Coritiba, por 3 a 0, e se sagrou campeão do Campeonato Paranaense após bater na trave 14 vezes.

Após ser derrotado na primeira partida da final, por 2 a 0, o Coritiba tinha uma dura missão a cumprir: vencer por dois gols de diferença para ficar com a taça do estadual. Com dificuldades ofensivas, o Coxa não criou chances claras e foi castigado na segunda etapa..

Mesmo atuando em seus domínios, furar a retranca do Operário não parecia missão tranquila no primeiro tempo. Apostando nos contragolpes, o time de Ponta Grossa assustou a meta do goleiro Vaná, após cabeceio de Douglas Mendes, que passou sobre a meta.

Na segunda etapa, o castigo para o Alviverde. Ruy e Juba (duas vezes) marcaram para o Operário e o Fantasma chegou ao seu título inédito em pleno Couto.

Agora, o Coxa volta seu foco para a disputa do Brasileirão Série A. A equipe de Marquinhos Santos encara a Chapecoense na primeira rodada do torneio nacional, no próximo sábado, em Chapecó.

LANCEPRESS!

Comentários

comentários