Amorim presta novos esclarecimentos sobre a investigação da Coffee Break; Vídeo

O empresário João Alberto Krampe Amorim chegou a pouco para depor no Gaeco (Grupo de Atuação Especializada de Combate ao Crime Organizado) . Após ter prisão provisória decretada a pedido do MPE-MS (Ministério Público de MS), o empresário foi liberado no final da noite de sexta-feira, em decisão acatada pelo STJ (Superior Tribunal de Justiça), em Brasília.

Amorim chegou a pouco a sede do Geco em Campo Grande Foto Kerolyn Araujo
Amorim chegou a pouco a sede do Geco em Campo Grande Foto Kerolyn Araujo

Amorin chegou a sede do Gaeco e nao deu declarações a imprensa. Ele estava acompanhado pelo seu advogado Benedicto Arthur de Figueiredo Neto.

Ele prestará novos esclarecimentos sobre a investigação da operação Coffee Break, que apura se houve compra de votos de vereadores para a cassação do prefeito Alcides Bernal pela Câmara Municipal de Campo Grande no ano passado.

Já o ex-prefeito Gilmar Olarte, que deve prestar depoimento amanhã, poderá ser liberado nesta terça quando vencem os cinco dias da prisão temporária solicitada pelo Gaeco.

Comentários

comentários