Amigos fazem campanha para ajudar família de motociclista ferido em acidente na Ernesto Geisel

Vendo a dificuldade financeira em que se encontra a família do motociclista Alexandre Carlos Cavalcanti de Carvalho Junior (29), ferido na colisão entre cinco veículos no cruzamento da avenida Ernesto Geisel com a rua José Roberto Paes Faria em Campo Grande no dia 1° de junho, uma amiga da família decidiu realizar uma campanha pedindo doações.

05alê
O casal tem dois filhos, sendo um de 8 anos e outro de 2 meses

O ato de solidariedade divulgado por meio da rede social Facebook visa arrecadar alimentos e doações financeiras para ajudar a esposa de Alexandre, Priscila Aparecida de Souza, e seus dois filhos, uma criança de 8 anos e um bebê de dois meses.

A organizadora da ação, Aurenice Aparecida da Silva (31), é feirante e conta que conhece a família há 25 anos. Segundo ela o rapaz não tem familiares na cidade e Priscila está com dificuldade até mesmo para se deslocar de sua casa até o hospital, “nesta tarde recebemos uma doação de 40 reais e compramos o passe de ônibus que ela precisava para ir ver o esposo”.

Ela pede a doação de fraldas tamanho ‘M’, alimentos e qualquer valor que as pessoas possam contribuir em dinheiro, “a preocupação maior agora é com o aluguel, água e luz”. Aurenice conta que Alexandre havia arrendado um depósito de gás recentemente e era o responsável pelas entregas, “agora está tudo parado”.

“Fiz isso pensando em pedir ajuda para meus amigos, mas ai cada um foi compartilhando e agora estou recebendo ligações até de outros estados”, afirma Aurenice, que frisa que, muitas das doações ela mesmo é quem busca para facilitar a campanha.

aurenice postagem

A família mora no Bairro Parque do Sol e não tem condições de ir buscar as doações. Aqueles que quiserem ajudar podem entrar em contato com Aurenice pelo telefone 67 9262-2420, endereço Rua Toró Tufail n°118 Jardim Morumbi – próximo ao Rádio Clube Campo. “Quem quiser comprovar a situação em que a família se encontra, pode entrar em contato comigo também, para marcamos de ir até lá”, conclui.

O rapaz segue em estado grave na Santa Casa e precisa ter seu quadro clínico estabilizado para realização de cirurgia na face.

Luana Campos

 

 

Comentários

comentários